Notícias e informação para o povo de Deus, dicas, meditação, reflexão, palavra, devocional, música, conteúdo de qualidade!

Bolsonaro diz que vai indicar ministro “terrivelmente evangélico” para o STF

Jair Bolsonaro. (Foto: Marcos Corrêa/PR)
Ao participar de um culto na Câmara dos Deputados nesta quarta-feira (10), o presidente Jair Bolsonaro lembrou que terá direito a indicar dois ministros para o Supremo Tribunal Federal (STF) e que “um deles será terrivelmente evangélico”.

Diante de parlamentares da Bancada Evangélica, o presidente voltou a falar sobre as críticas que recebe por ser cristão. Jair Bolsonaro também participou de uma sessão solene na Câmara dos Deputados, em homenagem aos 42 anos da Igreja Universal do Reino de Deus.

“Muitos tentam nos deixar de lado dizendo que o estado é laico. O estado é laico, mas nós somos cristãos. Ou para plagiar a minha querida Damares [Alves, ministra]: Nós somos terrivelmente cristãos. E esse espírito deve estar presente em todos os poderes. Por isso, o meu compromisso: poderei indicar dois ministros para o Supremo Tribunal Federal [STF]. Um deles será terrivelmente evangélico”, declarou o presidente.

Na sessão solene que aconteceu após o culto, Bolsonaro voltou a repetir a promessa de que indicará um evangélico para uma das vagas que abrirá no STF. “Reafirmo meu compromisso aqui: o estado é laico, mas nós somos cristãos. E entre as duas vagas que terei direito a indicar para o Supremo, um será terrivelmente evangélico”, reforçou no plenário.

Até o final do seu mandato, em 2022, o presidente Jair Bolsonaro poderá indicar ao menos dois nomes para ocupar as vagas que serão abertas devido as aposentadorias compulsórias, em razão de idade, dos ministros Celso de Mello (2020) e Marco Aurélio Mello (2021).

O presidente já sinalizou que um dos nomes cotados para a vaga na Suprema Corte é o atual ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro. Já o segundo nome, conforme prometeu há alguns meses em Goiânia, quando participava de uma Convenção da Assembleia de Deus Ministério de Madureira, será de um jurista evangélico.

“Será que não está na hora de termos um ministro no Supremo Tribunal Federal evangélico?”, questionou na ocasião.

Postar um comentário

[blogger][disqus][facebook][spotim]

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget