Notícias e informação para o povo de Deus, dicas, meditação, reflexão, palavra, devocional, música, conteúdo de qualidade!

Resolução culpa pessoas religiosas por altos índices de suicídio LGBT, na Califórnia

Resolução culpa pessoas religiosas por altos índices de suicídio LGBT, na Califórnia

Numa tentativa surpreendente de que as pessoas de fé se conformassem à cultura progressista, os legisladores do estado da Califórnia chegaram a culpar os religiosos por muitos dos problemas enfrentados por aqueles que vivem hoje na comunidade LGBT, incluindo o suicídio, segundo o Federalist.

A resolução, que passou recentemente pela assembleia estadual, diz: “o Legislativo apela a todos os californianos para que aceitem os benefícios individuais e sociais da aceitação da família e da comunidade” das pessoas LGBT.

O documento atribui culpa às pessoas de fé por contribuírem para as taxas de suicídio que atingem o céu entre a comunidade gay, lésbica, bissexual e transexual.

“O estigma associado a ser LGBT, muitas vezes criado por grupos da sociedade, incluindo terapeutas e grupos religiosos, causou taxas desproporcionalmente altas de suicídio, tentativa de suicídio, depressão, rejeição e isolamento entre LGBT e questionamento de indivíduos”, diz o projeto.

Assim, com essa afirmação apresentada como fato, o Legislativo da Califórnia está efetivamente buscando forçar as pessoas religiosas a concordarem e apoiarem a comunidade LGBT, mesmo que tenham fortes convicções pessoais que as afastariam de fazê-lo.

A ação política é meramente uma resolução, não é juridicamente vinculativa. Isso, no entanto, sinaliza uma séria mudança para o policiamento dos sistemas de crenças que são mantidos por milhões de americanos.

"Eles não poderiam criminalizar você, mas poderiam destruir sua reputação e sua vida", comentou Glenn Stanton, do Federalist, observando que a resolução "aumentará o apelo para que ela se torne lei aplicável".

Além disso, para ser claro, não há evidências sólidas para apoiar a ideia de que grupos religiosos sejam uma causa direta de suicídio na comunidade LGBT.

"Simplesmente, qualquer um que faça a alegação de que respostas familiares e o ensino religioso causam suicídio, carece de qualquer prova científica", acrescentou Stanton.

Fonte: Guia-Me

Postar um comentário

[blogger][disqus][facebook][spotim]

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget