Notícias e informação para o povo de Deus, dicas, meditação, reflexão, palavra, devocional, música, conteúdo de qualidade!

Novembro 2020
'Momo' "Eu quero ir" “Aguardo o Dia” “Casa na Rocha” “Em Casa” “Mais Alto” “Quem é esse?” “Quero Te Adorar” “We magnify his name” 10 Mandamentos 19ª edição do Grammy Latino 2018 2019 22 anos 3 Palavrinhas 360 Wayup 6 milhões 60 Minutes A Bíblia Kingstone Abaixo-assinado abandona Abílio Santana Abin abortistas aborto abortos abrigo para dependentes químicos Absolvida abusador abusar dos membros abuso infantil abuso sexual abusos sexuais Academia Acadêmicos do Sossego acampamento evangélico ação judicial Ação popular Ação social aceitaram a Jesus Acertou Mizerávi Achado Arqueológico ACI Digital acidente acidente de trânsito Acioli acordo de paz Acre acusação ad belenzinho ADAI Music Adão e Eva Adaulto Lourenço Adauto Lourenço Adilson Gigante ADO 26 adolescente adolescentes Adolf Hitler Adolf Hittler adventistas do Sétimo Dia advogados Afeganistão Africa África Africa do Sul Agenda Lgbt Airbnb Al-haram Al-sharif Al-qaeda Al-Rashid Aladdin Alagoas Alan Rick Albert Einstein Alcoolismo aldeia Kamayurá Alemanha Alerta aos pais Alex Passos Alexandra Abrantes alexandre frota Alexandre Isquierdo Aline Barros Alison Redmond-Bate alma Alphaville altares Amazon ambulância América América Latina Amor Amor de Deus Amor e Sexo amor incondicional Ana Paula Ana Paula Valadão Anápolis Anayle Sullivan Anderson Freire André Aquino André Balada Andre Fernandes André Valadão Andrea Long Chu Andrew Brunson Anel Pilatos anencefalia Anglicana Angola Anitta aniversário de casamento Anjo Anne Graham Anne Graham Lotz Anny Theyler Anti-Balaka anti-Israel anti-judaico anticristãs Anticristo Antigo Testamento Antissemitismo AoVivoPelaVida apanhar aplicativo Apocalipse apóstolo apóstolo Paulo App apresentador apresentadora Angélica Árabe Araguaína Arca da Aliança Arca de Noé Argentina Argentinos arma arma de fogo Armas Armênia armênios Arqueologia arqueólogia arqueologia bíblica Arqueologia na Bíblia arqueólogo Arquidiocese da Paraíba Arrebatamento arrecadar alimentos arrependimento Artistas Asia Asia Bibi Ásia Central AsiaNews asilo assalto assassinada assassinado assassinato do pastor assassino assédio sexual Assembleia de Deus Assembléia de Deus Assembleia de Deus no Brasil Assembleia de Deus Vitória em Cristo ataque ataque cardíaco Ataque Contra Cristãos ataque de ódio Ataque no Egito Ateísmo Atentado Atentado Terrorista Atentados Ateu Ateus Ativismo Ativismo Gay Ativismo Lgbt ativista gay Ativistas ato profético Ator Atos dos Apóstolos atriz atriz Chrissy Metz audiência Augusto Cury Augusto Heleno Ribeiro Pereira Augustus Nicodemus Augustus Nicodemus Gomes Lopes Austrália Autoajuda automutilação Autoridade Palestina auxílio-mudança avivamento Azerbaijão azul e rosa babalorixá Baby do Brasil Bahia Baleado baleou Bancada Evangélica Band Band News Banda 4Life banda Livres Banda novo som Banda Resgate banda Rosa de Saron banda Voz da Verdade Bangladesh Banheiro Transgêneros banheiros únicos barragem Barroso bate boca bateria de escola de samba Batismo batismo infantil Batismo nas Águas Batista Peniel Batista Soul batistas do Sétimo Dia batistas independentes batizado bbb bebê Bebê é abandonado bebê Jesus bebês bebida alcoólica Beit Chabad Beka Belém Belford Roxo Bélgica Belíssima Belo Horizonte Benjamin Netanyahu Bernardino Bertioga Beth Moore Bethel Bibi Bíblia Bíblia Antiga Bíblia e Ciência Bíblia Mais Antiga bíblia sagrada Bíblias. África bicicleta Big Apple Big Brother Brasil Bill Johnson Billy Graham Bird Box Bispo Bispo Edir Macedo Bispo Julian Henderson bispos Blasfêmia blasfêmia. Cristão Boas Notícias Boko Haram Bola de Neve Bolsa do Samaritano Bolsonaro bombeiros boneco Ken Sereia brad dacus Brad Hoylman Brasil Brasil Sem Aborto Brasil Urgente Brasil x Israel brasileiros Brasília Brian Houston briga de casal Britney Spears Brittni De La Mora Brumadinho Bruna Drews Bruna Karla Bruna Marquezine Bruxa bruxaria bruxos cristãos Budismo Bulgária Bunda Mole buscar a Deus Butão cabo Daciolo Cabo de Santo Agostinho Cabul caçadores de cabeça CADETINS café da manhã de oração por Jerusalém Caio Fábio calçados Hello Kitty. calçados Ipanema calçados Melissa Califórnia caloteira Câmara de Vereadores de Porto Alegre câmara dos Deputados Camarões câmera câmeras de vigilância Caminhada Caminho da Graça Campanha Campinas Canadá canal Metaforando câncer Candomblé cantor Anderson Freire cantor Eli Soares cantor gospel cantor Juliano Son Cantor Leonardo Gonçalves Cantor Robério Lima e Silva Cantor Samuel Mariano cantor Wellington Camargo Cantora Cantora Anitta cantora Daniela Araújo cantora Eyshila cantora Flordelis Cantora Gospel cantora Léa Mendonça cantora Lydia Moisés capeta escondido Caridade Carlito Paes Carlos Apolinário Carlos Bolsonaro Carlos Moisés Carlos Nadalim carnaval cartão de crédito Casa Branca Casa Civil casal gay casal pastoral casamento Casamento de Célia Sakamoto casamento gay casamentos cristãos Casos de Milagre Cassiane cassino Castidade Catedral da Fé Cativeiro Catolicismo católicos Cazaquistão CBN News Ceará Ceia de Natal celebridades Célia Soul Céline Dion celular celulares censura Centro Nacional de Exploração Sexual Centro Pentecostal Jovem Resgate Cepal cerveja Cesare Battisti céu Chance The Rapper Charles Darwin Chico Wehmuth chifres Chile China chineses Chris Pratt Christ Christian Bale Christyan Leão Cia Nissi Ciclone Cid Moreira Cidade bíblica ciência Cindy Jacobs Cinema Circulo de oração Cisjordânia Ciúmes clamor Claudia Raia Clínica Abortista clinica de aborto Clínica de Aborto clip CNBB CNN cnpj Coaching Coaf cobertura espiritual Coletes Amarelos Colômbia coluna Comandante Moisés comando vermelho Combate à Corrupção combate à pedofilia combater Comercial Comerj Comics comodoro MT comunismo Condenada conectados a Cristo Conectando Gerações Conexão Repórter Confiabilidade da Bíblia Confiança na Bíblia Conflito Congo Congrega Church congregação congregar congresso internacional de arqueologia bíblica Congresso Nacional consagração Conselho Apostólico Brasileiro Conselho Mundial de Igrejas Conselho Tutelar Conselhos de Psicologia Conservadorismo Consumo de Maconha Contra Ideologia Contra Ideologia de Gênero Convenção Batista do Sul Conversa Com Bial Conversão Coordenação de Assuntos Religiosos COORPIN Coptas coral Coral Kemuel Coreia do Norte Coréia do Norte Coreia do Sul corinthianismo Corinthians coronavírus Corrupção cova Covid-19 CPAD CPI crê em Deus Crente Bom de Bíblia 2018 Crescimento das Igrejas Criacionismo crianças Crime crime organizado Crimeia Crimes criminalidade criminalização da homofobia Cris Cyborg cristã cristã perseguida cristão cristão homofóbico Cristão Perseguido Cristão Perseguidos Cristão. Lista Mundial da Perseguição 2019 cristãos Cristãos Copta Cristãos de Jos Cristãos no Egito Cristãos no Trabalho cristãos perseguidos Cristianismo Cristo para Todas as Nações Cristóvão Colombo criticada críticas Crocodilo crucificado Crueldade Animal cruz Cruz das Almas-AL cruzada Cuba cuide de sua família culto culto ao ar livre Culto na Rua cultos Cultura de Estupro Cúpula Conservadora das Américas cura Cura de Doenças Cura de Tumor Cerebral Cura do Câncer cura gay Cura Milagrosa curadas curandeiro Cursos Cybercensura Daciolo Damares Alves dança Daniel e Samuel daniela mercury Danielle Favattoigreja Danilo Gentili Darlene Zschech Darwinismo Datafolha Datena Dave Williams. microchips Davi Davi se escondeu David Cerqueira David Owuor Dc Comics Deadpool Debate Deborah Secco decote Decreto Defesa dos Animais Deise Cipriano Deise Jacinto Delegacia de Investigações Gerais delegada Luciane Bachir Delino Marçal Deltan Dallagnol Demolidor demônio Demônios Denis Mukwege Denise cerqueira Dennis Christensen dependência quíimica ex-bruxo ex-ocultista libertação do ocultismo libertação espiritual ocultismo sair do ocultismo testemunho de conversão testemunho de fé vício em drogas deportação depressão deputada federal Flordelis Deputada Lauriete deputado federal deputado Hidekazu Takayama deputado Silas Câmara deputado Sóstenes Cavalcante Descoberta Arqueológica Descobertas Científicas Desconfinados Descriminalização da Maconha Desigrejados Deus Deus capacita os escolhidos Deus Criador Deus é Mais Deus é Mulher Deus Não Está Morto Deus Salvador deusa robô Devocional Dez Mandamentos DHPP Dia da Bíblia diabo Diante do trono Diário Oficial dicas de suicídio dicas no casamento Dilma Rousseff dilúvio Dinheiro diploma de mestre diplomação no TSE Diplomacia Direitos Humanos Disforia de Gênero Disney disparo distanciamento Distrito Federal Ditadura Dívida Divisão Divórcio dízimo DJ DJ PV DNA Doação doação de imóvel Dom Orani Tempesta Domingão do Faustão domingo Donad Trump Donald Trump Douglas Gonçalves Doutor Estranho doutrinação Dr. Milagre drag queen drag queens drive-in drogas Dudu Camargo Dupla Dupla Alisson e Neide DVD comemorativo eclipse Ecologia Edificante Edir Macedo Editora de quadrinhos Edson Celulari Eduardo Bolsonaro Eduardo Costa Eduardo Paes Eduardo Sterblitch Educação educação domiciliar Efatá Egito El Chapo Elaine Martins Eleições 2018 Eleitoras eletrocutado Eli Soares Ellen Page Elson de Assis embaixada Embaixada Brasileira Embaixador de Israel Emerson Orofino Emerson Pinheiro Emirados Árabes Unidos Emmanuel Macron empresas encontros religiosos Enem enredo ensinamentos budistas Ensino Religioso Entrevista com Deus entubada equipe de transição Erich von Däniken eritreia Ernesto Araújo erotização precoce escândalo Baby Squillo Escatologia Escavação Escócia Escola Cristã Iraque escola de samba Escola Dominical escola sem partido escolas Escolas de elite Escolas de Samba escravas sexuais escravizar fiéis esfaqueador esfaqueia espetáculo Espirito Santo Espírito Santo esposa esposa de bolsonaro esposa do presidente esquerda Esquerdismo Estadão Estado Islâmico Estado laico Estados Unidos Estatísticas esterilizações Estrada Estrela de Belém estudo estupro Etiópia Eu Não Estou Só EUA Eunício Oliveira evangelho evangélica Evangelicaorto Evangélicas evangélico Evangelicos evangélicos evangelismo Evangelismo na Rua Evangelismo Urbano evangelista Evangelização Evangéllicos Evento evento evangelístico Evidências do Cristiainsmo Evo Morales ex-atriz porno Ex-bruxa ex-cantor ex-feminista Ex-gay Ex-governador Ex-homossexual Ex-islâmico ex-líder ex-marido ex-Miss Pensilvânia Ex-muçulmano ex-muçulmanos ex-ocultista Ex-padre ex-padre Wagner Augusto Portugal Ex-pastor ex-pastor evangélico Ex-presidente Lula ex-satanista ex-vocalista da Banda IdeALL excesso de barulho Êxodo exploração sexual extraterrestre extremismo Extremismo Religioso extremistas Extremistas Islâmicos Extremistas Muçulmanos Eyshila Fabio Faria Fábio Pannunzio fábrica de tortura Fabrício da Silva Pimentel Facebook Faixa de Gaza Fake News FakeNews Fala Que Eu Te Escuto falar em público falsa igreja Falso Falso Milagre Falso pastor família Família e Direitos Humanos famílias Fantástico Fat Family Fausto Silva favorecimento Fazer Aborto Fé cristã Fé Irresistível Feira de Santana feitiços felicidade Felipe Moura Brasil feliz FM Feminismo Fenômeno fenômeno da natureza fenômeno evangélico Fernanda Brum Fernanda Lima Fernandinho Fernando Haddad Fernando Pesão Fernando Pessoa Festival The Send feto FIACONA Fica Tranquilo fichas escolares fiéis Filadélfia Filho filhos filhos são herança do Senhor Filipinas Filme Filme Cristão Filmes Filmes adultos Filosofia de Vida filósofo Fim dos Tempos financiamento Finlândia fiscalização igrejas físico brasileiro Flávia Alessandra Flávio Bolsonaro Flordelis Floresta Amazônica fofoca Fofocalizando Folha de São Paulo fome Forças Armadas Fórmula 1 Fortaleza Fórum Desembargador Mendes Wanderley Fórum Econômico Mundial Foundation França Francis Chan Francisco Razzo Frank Aguiar Frank Houston Franklin Graham Fred Instagram Frederico Figueiredo Freedom Freiras frente parlamentar evangélica From Religion Funai Fundação Bill e Melinda Gates funk funkeira Ludmilla Futebol Gabinete de Segurança Institucional Gabriel Guedes Gabriel Medina Gabriela Gomes Gabriela Hardt Gabriela Rocha gafanhotos Game of Thrones Gana Gaviões da fiel General Heleno Gênero nas Escolas gênero neutro genética Geografia Bíblica Ghar Wapsi Gideões Missionários Gideoes Missionários da Última Hora Gideões Missionários da Última Hora Gilberto Carvalho Gisele Bündchen Gislaine e Mylena Gleisi Hoffmann global Globo Globo News Globo Rural GloboNews Glória a Deus Gogue e Magogue Goiânia Google gospel Gospel for Asia governador governador do Distrito Federal governadores governo Governo Bolsonaro Governo do DF governo do Egito Grã-Bretanha Grammy Latino gravadora Musile Records grazi massafera Gregório Duvivier Grendene Gretta Vosper Greves Grupo de Lima Grupo dos 77 Grupo Especial do Rio de Janeiro Grupo Lgbt Grupo pró-aborto Grupo Record Grupos religioso Guanambi guerra Guerra interna Guerras Guilherme de Sá guitarrista Haia Hailey Hailey Baldwin Haiti Hamas Hamilton Mourão Hank Hanegraaff Harpa Cristã HB Hebrom Heidi Baker Heidi Crowter Henrique Fogaça heresia Hernandes Dias Lopes hidroxicloroquina Hillsong Hinduísmo Hino História do Cristianismo Hitler Holanda Hollywood Holocausto homem Homem de Ferro Homem-Aranha homeschooling Homicídio homofobia homoparentalidade homossexuais homossexual Homossexualidade Hong Kong horóscopo hospital hospital de Brejo Santo Hulk humor Humorista Ibaneis Rocha Ibope Idai identidade de gênero ideologia Ideologia de Espécie ideologia de esquerda ideologia de gênero IEQ igreja Igreja Adventista Igreja Adventista Remanescente de Laodiceia Igreja Anglicana igreja anti-LGBT igreja Apostólica Acolhidos por Cristo Igreja Assembleia de Deus Igreja Batista Igreja Batista da Lagoinha Igreja Batista Getsêmani igreja Bethel Igreja Brasil para Cristo Igreja Catedral do Avivamento Igreja Católica Igreja Católica Apostólica Romana (icar) Igreja Cidade de Refúgio Igreja Comunidade das Nações Igreja Contra o Aborto Igreja da Cientologia Igreja da Graça Igreja da Inglaterra Igreja de Bethel igreja destruída igreja do distrito de Iara Igreja do Evangelho Quadrangular Igreja Episcopal Igreja Evangélica igreja Hillsong Igreja holandesa Igreja Internacional da Graça de Deus Igreja Luterana Igreja Mananciais da Barra Igreja Metodista Igreja Metodista Unida Igreja Mundial Igreja Mundial do Poder de Deus Igreja Ortodoxa Igreja Ortodoxa Ucraniana Igreja Pentecostal Tempo de Milagres igreja perseguida Igreja Presbiteriana Igreja Presbiteriana de Cruzeiro do Sul Igreja Profetizando as Nações Igreja Quadrangular Igreja Renascer Igreja Rocha Eterna Igreja São Thomas Igreja Universal Igreja Universal do Reino de Deus igrejas Igrejas alemãs Igrejas domésticas igrejas evangelica Igrejas Evangélicas Igrejas evangélicas Alemanha igrejas licença Igualdade Racial ilegais ilustrações do reino de Deus imã Ahmed al-Tayeb Imagem de Cristo imagem de Jesus imbecil IMPD impostos Imran Khan Incêndio incesto indenização Índia indígenas índios Indonésia infância Inglaterra Insetos Instagram instituto Barna Instituto de Templo Instituto do Templo Inteligência e Fé intercessão Internacional International Christian Concern internet intolerância religiosa investigação Irã Iranianos Iraque Irlanda Irmandade Muçulmana Isabella Chow Isadora Pompeo Isaias Jr Isis Valverde Islã Islâmicos islamismo Islamização Israel Israel Salazar Israel x Palestina Italia Itália Itamaraty IURD Ivanir dos Santos ivermctina J.d. Greear Já Ouço o Rugido Jacarezinho Jacira Cabral Jair Bolsonaro Jair Bolsonro Jair Messias Bolsonaro James Cowan James Faulkner Jamie Shupe jandira feghali Japão Jay Santana Jean Wyllys jejum islâmico Jenna Presley Jerry Falwell Jr. Jersualém Jerusalém Jesus Jesus Copy Jesus Cristo Jezabel Jihad Jim Caviezel Jim Howard Jimmy Evans Jó – Midian Lima João Campos João de Deus Joaquim Alves joel dahl Johan Huibers John Allen Chau John Bevere John Bolton John Chau Joice Hasselmann Jojo Todynho Jonathan Nemer Jordânia Jorge Viana Jornada Mundial da Juventude jornal Jornal Nacional jornalista Milly Lacombe José de Abreu Josimar Salum Josué Valandro Josué Valandro Jr. Jovem jovem cristã Jovem Pan Jovens Jovens Cristãos Joyce Meyer Juan Guaidó juanribe pagliarim Judaismo Judaísmo Judeus Judith Butler Juiz Juiz Marcelo Bretas Juiz Sérgio Moro Juíza juíza Diana Brunstein juíza Maria Lucinda da Costa juízes Julgo Juliana Paes Junior Trovão Juristas Justiça Justiça do Trabalho justiça federal Justin Bieber Justin Welby Kamille Ribeiro Kantar Ibope Kanye West Kauã Salles Kemilly Santos ken hickam Kevin Sorbo Kim jong un Kim Yo-Jong Kingstone kit gay Kleber Lucas lacração ladrões Lady Gaga Lagoinha Lana Del Rey Lançamentos Lanna Holder laos Las Vegas Latino Lauriete Lauriete Leonel Ximenez Lava Jato Léa Mendonça Leandro Karnal Legalização da Maconha Legalização do Aborto Lei Lei Civil Lei Rouanet lenços verdes Léo Áqulia Leo Dias leões Leonardo Gonçalves LGBT LGBTI LGBTI+ LGBTQ LGBTs libanês Líbano Liberação da Maconha Liberalismo Teológico Liberdade de Expressão Liberdade religiosa libertação Líbia Líder de seita líder do islã Líder Evangélico liderança Líderes Evangélicos Líderes Religiosos Liga Árabe Lindbergh Farias Língua Portuguesa linguagem corporal de Flordelis linguagens de sinais Línguas Estranhas Linhares lista de livros evangélicos 2018 Lista Mundial da Perseguição Lista Mundial da Perseguição 2019 Lito Atalaia livramento Livro Livros Liz Lane Loja Londres Lotz Louie Giglio Louvor e Adoração lua de sangue Luã Freitas Luanda Luca Martini Lucas Lucas Santos Luciana Gimenzes Luciano Huck LUCIANO SUBIRÁ Lúcifer Ludmila Ferber Lugar Secreto Luiz Hermínio Luiz Inácio Luiz Inácio Lula da Silva Luiz Sayão Lula Luma Elpidio luteranos Mackenzie Maçonaria Maconha Maconha Não macumba Maduro mãe Mãe de El Chapo Magno Malta Magno Malta e Lauriete Maioridade Penal mais lido 2018 Mais médicos Malásia Malhação mandato mandato ilegal mansão Manuela D'ávila Manuscritos do Mar Morto Maomé Mar Morto Mara Maravilha Maranhão marcelo calero Marcelo Crivella Marcelo Freixo Marcelo Gleiser Marcha Marcha na Argentina Marcha para Jesus Marcha pela Vida marchas Marco Feliciano Marcos Freire Marcos Madaleno Marcos Mion Marechal Cândido Rondon Mariana Valadão Maricá marido Mario Bramnick Mario de Oliveira Marisa Lobo Marisa Lobo Psicóloga Marisa Papen Marrocos marroquino Marvel Marxismo Cultural marxistas máscara MasterChef Mauricio de Souza Maurício de Souza Mauro Souza maus tratos Max Lucado MBL MC Pocahontas McDonald’s MEC meca medicina médicos Mediunidade medo megaigreja meio cristão Melhor Álbum de Música Cristã Melissa Joan Hart membro Menina rosa Menino azul menores menores de 14 anos mensagem mercado de streaming mesquita mesquitas Messias Mianmar Michel Temer Michele do Carmo de Souza michelle bolsonaro michelle de paula bolsonaro Migração Mike Pence Mike Vieira Mikkelson milagre Milagres ministério “Underground Resistance” Ministério da Cidadania Ministério da Justiça Ministério da Mulher Ministério das Relações Exteriores ministério de louvor da Assembleia de Deus Alto do Ipiranga (SP) Ministério dos Direitos Humanos ministério Dunamis Ministério Mananciais Ministério Nova Jerusalém Ministério Portas Abertas Ministério Público Ministério Público Federal ministérios. ministra da Mulher Família e Direitos Humanos Ministra Damares Ministra Damares Alves Ministro ministro Augusto Heleno Ministro Dias Toffoli ministro evangélico Ministro Marco Aurélio Mello ministro Marcos Pontes Ministros Mirele Peixoto Souza Teodoro Missão Portas Abertas missas Missionária Missionária Camila Barros Missionário Missionários Missões Missouri miticismo Mitologia MK Music Mobile Moçambique Mogi das Cruzes Moisés Mongólia monte Monte do Templo Moradores de rua Moro Morreu morte morte de pastor mortos Moscou Movimento Lgbt MPES muçulmano muçulmanos Mudança da Embaixada Mudança de sexo Mulher mulher cega Mulheres mulheres cristãs Música Musica Gospel Música Gospel Musical Musile Records Nações Unidas Namibe não se meta com meus filhos Nascimento de Jesus Nasrat Mohamed Jamil Natal Natália Araújo National Geographic Native Tongue naxalitas Nazaré NCOSE Neal McDonough Neemias Nego do Borel neopentecostais NetFlix neto de Billy Graham Nevada Neymar Nicolás Maduro Nicole Kidman Níger Nigéria Nigeriano Nívea Soares Nobel da Paz nota oficial Nova Friburgo Nova York novela Novelas Novo Testamento O Milagre da Fé o outro lado do paraíso O Seredo dos Deuses Oakland obras ou pela graça Obreiro obrigações fiscais de igrejas ocorrência policial ofensa oferta Oklahoma Ong Cristã Ongs ONU ONU Mulheres Onxy Lorenzoni Onyx Lorenzoni OPBB-SP Operação Lava Jato opositora oração orações Ordem dos Pastores Batistas Organização das Nações Unidas Oriente Médio Os Incríveis os Pingos nos Is Ousado Amor – Isaías Saad outros deuses Pabllo Vittar Paciência pacific justice institute Pacto de Migração pacto diabo padre Padre Alessandro Campos Padre católico gay padre Marcelo Rossi Padre Quevedo padres Paganismo páginas da vida pai pai de vítima pais biológicos Palácio da Alvorada Palácio do Planalto Palavra de Deus Palestina palestinos Panamá pandemia Pânico panos ungidos Pantera Negra pão diário Papa Francisco Papai Noel Paquistão Paquistãom Suprema Corte do Paquistão Parada do Orgulho LGBT Parada Gay parada LGBTQ Paraíba paralisia facial Paranoá paris parlamento britânico Parlamento e Fé Partido Comunista Partido Comunista Chinês Partido Comunista da China Partido dos trabalhadores partidos de esquerda Páscoa passaporte diplomático Passion Pastor Pastor Adir Neto Teodoro pastor Alph Lukau pastor Anderson do Carmo pastor Anderson do Carmo de Souza Pastor Antonio Rocquemore pastor Carlos Moyses pastor e advogado Adir Neto Teodoro pastor Felippe Valadão Pastor George Pastor Geraldo Mangela pastor Hueslen Santos pastor isidório pastor Jim Jones Pastor Joaquim Barbosa pastor Leonardo Sale Pastor Lucas Pastor Manuel Marcos Pastor Marco Feliciano pastor Melqui Gomes pastor Odilon Santos Pastor Reuel pastor Rinaldi Digílio pastor Robert Hood pastor Rusty George Pastor Samuel Mariano Pastor Samuel Olson Pastor Silas Malafaia pastor Takayama Pastor Tiago Brunet pastora Pastores pastores de cabra fulanis Pat Allerton Paternidade Patriarca Kirill Patricia Lelis patrimônio da humanidade Paula Fernandes Paulo Freire Paulo Guedes pauta de costumes paz e vida Pcdob PEC pecado pecados pediatra pedido de desculpas pedofilia Pedra Beka pensamento Pensão alimentícia Pentateuco Pentecostes Pequim perda do filho perdão perguntas ofensivas Perlla Pernambuco Perseguição perseguição religiosa personagem gay pesquisa Pesquisas Petista Petrobrás Petrolão Pew Research Center Phatrícia Carvalho Philip Metschan Phillip Blair Piauí Pilar do Sul Pilatos pintor preso piscina Pixar Animation Studios Plano de Governo Plano do diabo Plano do diábo PM Pobreza extrema Pode Voar Polêmicas Polícia Polícia Civil Polícia Civil do Rio Polícia Federal Polícia Militar Policiais militares poligamia politica política políticos Pôncio Pilatos Pônico Pilatos população condena pornografia pornografia infantil Porta das Ovelhas porta de igreja Porta dos Fundos Portas Abertas portas dos fundos pós-morte pós-quarentena Posse do Presidente Posse Presidencial Pr Luan Santos praças Prb prefeito prefeitura prefeituras Pregação Pregação Contra Aborto pregador de internet pregador voador Pregadores pregadores modinha Prem Baba Prêmio Nobel Presbiteriana presépio Presépio Satanista Satanismo Presidência presidência no Congresso Presidente presidente da Rússia presidente jair bolsonaro presidente Jovenel Moise presidente Michel Temer presidente norte-americano Preso presos primeira filha Primeira-dama prisão Priscilla Alcantara prisões iranianas pró-vida processo processo judicial Processos judiciais procuradoria geral da república profecia Profecias professor professores Programa Fantástico Progressismo proibir Projeto de Lei Propaganda propina Proposta de Emenda à Constituição prostituição protestantes Protestantismo protestos Provérbio X psicóloga evangélica PSL PT Punjab Pure Flix Puritanismo Pyong Lee quarentena queda de helicóptero Quem é Você? Quênia Qumran R. R. Soares R.R. Soares R$ 28 Rabinos racismo radicais rádio Rádio Estadão FM rádio evangélica Rádio Gospel Rádio Jovem Pan Rádio Vida radios gospel Rafael Novarine Rafael Octavio Rafael Octávio Ramadã Rap Rap Gospel do Brasil ratinho Real Life Church Rebeca Nemer receita federal Recep Tayyip Erdogan Recife record Record News Record TV Rede Bandeirantes rede globo Rede Record Rede TV Redes Sociais reencarnação reforma da previdência reforma tributária refugiados Regensburger Domspatzen regularização rei da matemática Rei Davi Reinhard Bonnke Reino Unido Reis Magos Relacionados Relações exteriores religião religião islâmica religião no futebol religiões religiões de origem africana Religiosidade religiosos Religiosos palestinos Renan Calheiros Renascer Praise Renato Cardoso repartições públicas réplica república centro-africa República Centro-Africana ressucita Ressurreição restaurar Reuel Bernardino Revista Época RFID Ricardo Boechat Ricardo Lewandowski Ricardo Vélez Rodriguez Rio de Janeiro Rio Jordão Riqueza rituais rituais religiosos Roberta Miranda Roberto Requião Rock Cristão Rock in Rio 2019 Rodolfo Abrantes rodovia Castelo Branco Rodrigo Duterte Rodrigo Maia rodrigo silva Roma Romualdo Panceiro Ronald McDonald’s Ronaldo Caiado Ronaldo Ésper Rosa de Saron Rosânia Rocha Roubo Rua Azusa Rumores de Guerras Russia Rússia ryan coleman Sabrina Bittencourt Salmo 91 Salmos Salvador Sam Henrique Samuel Malafaia Sandra Terena Sandro Frederico da Silva Sandy Santa Catarina Santiago Chile Santo São Paulo Sarah Farias Sarah Sheeva Satanás satanismo filosófico satanistas Saul SBT SBT Silvio Santos Schumacher Se Eu Me Humilhar – Discopraise sê tu uma bênção Secularismo Secularismo na Igreja seguidores de Cristo Segunda Instância segundo casamento segundo sol Segurança pública Sei Que Estás Comigo seita seita Cientologia seminários Senado Senado Federal senador estadual Senegal sente as pessoas Separação sequestrado Sérgio Cabral Sergio Knust Sergio Moro Sérgio Moro Séries de Tv Sermão sertanejo Sertãozinho Sharran Sheikh Hasina signos Silas Câmara Silas Malafaia Silvio Santos símbolos nazistas símbolos religiosos Simone Simone e Samaria Sindicalistas síndrome de down sinos Sionismo Síria Smartphones sobrenatural socialismo Sociedade Bíblica do Brasil Sodoma e Gomorra Solstício de Inverno Som da Minha Vida Sony Music Gospel Sorocaba Southern Baptist Convention Stan Lee startup DVFLIX Steve Campbell STF sucesso Suicídio Suicído Super Drags Super Interessante Super-herói Superação Supernatural Superpop suplica Suprema Corte Supremo Tribunal Federal Supremo Tribunal Federal (STF) Surdos Surf Suzano Switchfoot Talita Cipriano Tamrazyan tanque de Betesda Tatá Werneck tatuagem Teatro Teleton Templo de Salomão Templo dos Anjos Téo Hayashi Teocracia teólogas feministas Teologia teologia da prosperidade teólogo Ricardo Velez Rodriguez Teoria da Conspiração Teoria da Evolução Terceiro Gênero Terceiro Templo Teresinha Neves Teresópolis Terra Santa Terrorismo Terrorismo Islâmico Terrorista Terroristas Testemunha de Jeová testemunhar Testemunhas de Jeová Testemunho Testemunho Cristão Testemunho de Fé Testemunhos Tetelestai Thaila Ayala Thalles Roberto Thammy Gretchen The Noite The noite. SBT The send The Send Brasil Theodore McCarrick Theresa Thor Tijuca timidez tipos de testemunhas tiririca Tiroteio no Templo TJ-SP Tocantins Tom Cruise Tony Ramos Top trabalho trabalho escravo Tradição tradução Tradução da Bíblia tragédia Trans especie Transexuais Transexual Transexualidade transfusão de sangue Transgênero transgêneros Transição de Gênero Transplante de útero Tribo queniana Tribunal de Justiça Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo tristeza Trump Tubarão tumor Turismo turistas Turma da Mônica Turquia Tv Bandeirantes TV Gazeta TV Globo TVI Twitter Ucrânia Ufc UFO Uganda última tribo Umbandistas unasp Unção Unesco União das Igrejas Cristãs da Venezuela União Europeia Universal Universidade de Liverpool Universidade de Sheffield universidades Uzbequistão Valdemiro Santiago Valdomiro Santiago Vale Valerie Gatto vandalização Vanessa Grazziotin Vanilda Bordieri Vasco da Gama Vasos Quebrados Vaticano Veganismo Veganos velho testamento vendedor Thiego Amorim Venezuela verdades secretas Vereador Vermelho versículo Veruska Seibel Viagem Missionária vice-presidente vice-presidente dos EUA vício vida Vídeos Viktor Orban Violência violência contra cristãos violência sexual Viral Virgindade visão limitada visita histórica Visões Vissarion Vítima vítimas vítimas de tragédia Vitor Santos Viva de Aline Barros Vladimir Brichta Vladimir Putin voador voto aberto Walter Hoye whastapp Whindersson Nunes White Magazine Wilian Nascimento Wilson Witzel X-Men Xi Jinping Xuxa Ygor Siqueira Yitzel Roman Yoga Yossi Shelley Youseff Youtube Youtube Kids Youtuber Zezé de Camargo e Luciano Zona Norte do Rio

STF decide flexibilizar data de concurso por motivo religioso

O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu, na sessão da quinta-feira (26), que é possível a alteração de datas e horários de etapas de concurso público para candidato que invoca a impossibilidade do comparecimento por motivos religiosos.

O colegiado reconheceu, ainda, a possibilidade de a administração pública, durante o estágio probatório, estabelecer critérios alternativos para o exercício dos deveres funcionais ao servidor público em avaliação.

O Tribunal, por maioria, negou provimento ao Recurso Extraordinário (RE) 611874, em que a União questionava decisão do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1), que entendeu que um candidato adventista poderia realizar a avaliação física em data, horário e local diverso do estabelecido no calendário do concurso público, desde que não houvesse mudança no cronograma do certame nem prejuízo à atividade administrativa.

Também por decisão majoritária, a Corte proveu o Recurso Extraordinário com Agravo (ARE) 1099099, interposto contra decisão do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJ-SP) em mandado de segurança impetrado por uma professora adventista reprovada no estágio probatório por não trabalhar entre o pôr do sol de sexta-feira e o de sábado.

O julgamento dos recursos teve início em 19/11, com os votos dos relatores, e prosseguiu nas sessões desta quarta e quinta-feira, com os votos dos demais ministros.

Razoabilidade

Prevaleceu o entendimento de que a proteção judicial à liberdade religiosa prevista na Constituição Federal e a fixação de prestação ou critérios alternativos quando alegada escusa de consciência é necessária e obrigatória, desde que não fira a igualdade de competição e do exercício de cargos públicos e sejam observados os princípios da proporcionalidade e da razoabilidade, e seja preservada a igualdade entre os candidatos.

Coletividade

Para o ministro Gilmar Mendes, primeiro a votar na sessão de hoje, não é razoável, em respeito aos princípios da isonomia e da impessoalidade, a movimentação da máquina estatal para contemplar candidatos impossibilitados de realizar atividade em determinados horários da semana em razão de convicções pessoais. “A administração não deve ficar à mercê de particularidades de cada um dos candidatos”, disse.

Essa situação, na sua avaliação, poderia conduzir à inviabilidade do concurso público e afetar o interesse da coletividade, pois os conflitos podem afetar a prestação de serviços públicos essenciais à sociedade. “Reconhecer o direito subjetivo de guarda de dia da semana a um professor, em determinados municípios, pode significar óbice à educação da população local”, observou.

Mendes ficou vencido, ao aderir à corrente composta pelos ministros Dias Toffoli (relator do RE 611874) e Nunes Marques.

Peculiaridades

Para o ministro Marco Aurélio, no caso do candidato, não houve ofensa ao princípio da isonomia nem ônus à administração pública. O tratamento foi igualitário, uma vez que ele apenas realizou a prova de esforço com os candidatos de outro estado e não pretendeu uma segunda chamada. Já no caso da professora paulista, não há direito líquido e certo a ser reparado, porque ela não justificou à administração pública as 90 ausências nem tentou permuta com colega, causando encargos à administração.

Último a votar, o ministro Luiz Fux aderiu à corrente vencedora.

Teses

Ao final do julgamento, foram fixadas as seguintes teses de repercussão geral:

No RE 611874: “Nos termos do artigo 5º, inciso VIII, da Constituição Federal, é possível a realização de etapas de concurso público em datas e horários distintos dos previstos em edital, por candidato que invoca escusa de consciência por motivos de crença religiosa, desde que presente a razoabilidade da alteração, a preservação da igualdade entre todos os candidatos e que não acarreta ônus desproporcional à administração pública, que deverá decidir de maneira fundamentada”.

No ARE 1099099: “Nos termos do artigo 5º, VIII, da Constituição Federal, é possível à administração pública, inclusive durante o estágio probatório, estabelecer critérios alternativos para o regular exercício dos deveres funcionais inerentes aos cargos públicos, em face de servidores que invocam escusa de consciência por motivos de crença religiosa, desde que, presente a razoabilidade da alteração, não se caracterize o desvirtuamento no exercício de suas funções e não acarrete ônus desproporcional à administração pública, que deverá decidir de maneira fundamentada”.

Ficaram vencidos quanto às teses os ministros Dias Toffoli, Nunes Marques, Gilmar Mendes e Marco Aurélio.

Fonte: STF

Distrito Federal aprova em 1º turno projeto que permite “homeschooling”

A Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF) aprovou em primeiro turno, na noite de terça-feira (17), projetos de lei que regulamentam o "homeschooling", ou seja, o ensino em casa na capital. A proposta teve o voto favorável de 11 deputados, e cinco contrários.

O texto ainda precisa ser analisado em segundo turno e, se aprovado, necessita da sanção do governador Ibaneis Rocha (MDB). Segundo a proposta, após a sanção, a norma deve ser regulamentada em até 90 dias.

Os parlamentares analisaram três projetos, que tramitaram conjuntamente: um apresentado pelo governo do DF, um do deputado João Cardoso (Avante) e outro da distrital Júlia Lucy (Novo).

Regras

De acordo com o texto, fica permitida a modalidade de ensino, para que familiares e responsáveis sejam encarregados pela educação de crianças e adolescentes. Quem optar pelo modelo precisa fazer um registro junto à Secretaria de Educação do DF (SE-DF).

Os interessados podem adotar ou desistir do modelo a qualquer momento. Para aderir, os familiares terão que comprovar capacidade técnica para transmitir os conhecimentos, de acordo com as exigências da pasta. Também precisarão ter aval de um assistente social, um pedagogo e um psicólogo, e serão acompanhados por um conselheiro tutelar.

Segundo a proposta, os alunos dessa modalidade devem ter direito ao passe live, a uma carteira de estudante e a "todos os direitos relativos aos serviços públicos de educação, sendo assegurada a isonomia de direitos entre os estudantes da educação regular de ensino e da educação domiciliar naquilo que for compatível".

Avaliação

De acordo com o projeto, os alunos em "homeschooling" devem ser avaliados em testes com o mesmo nível de exigências dos estudantes da rede pública. Caso sejam aprovados nos exames, os estudantes devem receber certificado de conclusão dos cursos.

Já se o desempenho for insatisfatório, o aluno não recebe o documento. Ainda segundo o texto, a Secretaria de Educação deve garantir vagas nas escolas públicas para os estudantes que desistirem da modalidade por qualquer razão.

Além disso, "deverá disponibilizar serviço de consultoria, digital ou presencial, aos pais ou responsáveis para tirar dúvidas quanto aos conteúdos programáticos, avaliações e outras dúvidas que possam surgir durante o período de aprendizagem".

Ficam proibidos de aderir à modalidade os pais ou responsáveis legais que tenham sido condenados criminalmente.

O texto afirma ainda que os familiares também precisam garantir "convivência necessária ao adequado desenvolvimento social" e horários de lazer compatíveis com o da rede regular de ensino.

Discussão na CLDF

A sessão desta terça teve discussões acaloradas entre os parlamentares sobre o tema. O deputado Fábio Felix (Psol) argumentou que a norma pode ser declarada inconstitucional já que, para ele, o tema é da alçada do Congresso Nacional, e não da CLDF.

O parlamentar também disse que a medida pode causar um "esvaziamento" da voz das crianças e dos adolescentes, já que a decisão sobre a adesão ao modelo é do responsável legal. Felix ainda demonstrou preocupação com os efeitos que o "homeschooling" pode ter nas habilidades sociais dos estudantes.

"A escola não é só um espaço de aprendizagem, não é um espaço só de captação de conhecimento. A escola é um espaço de coexistência, de sociabilidade, de diálogo, de senso de comunidade."

Os deputados Leandro Grass (Rede), Arlete Sampaio (PT) e Reginaldo Veras (PDT) também ressaltaram a importância da escola na formação dos estudantes. Grass apontou o risco de que a modalidade acabe retirando proteção de crianças que vivem em famílias que desrespeitam os direitos dos menores.

"Quando você aprova uma lei [como essa], você está dando uma permissão tanto para famílias que têm responsabilidade e cuidam dos seus filhos, quanto para famílias que podem sujeitar essas crianças a uma série de vulnerabilidades", disse.

O deputado Delmasso, defensor da proposta, argumentou que as famílias têm direito a escolher a forma como os filhos devem ser educados.

"Esse projeto dá o direito de escolha da família de fazer, sim, a educação dentro da sua casa e por formação ideológica, qual é o problema? Qual o problema, por exemplo, de eu querer ensinar ao meu filho ou à minha filha aquilo que eu acho que é correto? Quando ele crescer, com certeza, vai ter contato com outros indivíduos e vai fazer o seu julgamento, o seu juízo de valor."

Já a distrital Júlia Lucy, autora de um dos projetos, disse que o modelo garante que as necessidades particulares das crianças serão atendidas no processo de ensino. Segundo a parlamentar, as famílias que preferem o "homeschooling" já o adotam mas, por falta de regulamentação, os estudantes ficam "invisibilizados".

"Esses filhos não são acompanhados pelo Estado. Esses adolescentes, essas crianças, hoje estão invisibilizadas pelo Estado", disse.

Fonte: Guiame

Rússia faz prisões de Testemunhas de Jeová em todo país sob acusação de “extremismo”

Policiais realizaram dezenas de operações contra as Testemunhas de Jeová e fizeram várias prisões em toda a Rússia na terça-feira (24), como parte de um novo processo criminal que acusa o grupo religioso de “extremismo”, segundo o Comitê Investigativo da Rússia.

A agência russa abriu uma investigação por suspeitar que a denominação cristã esteja voltando a se reunir ilegalmente no país, apesar da proibição do governo.

A Suprema Corte da Rússia decidiu em 2017 que as Testemunhas de Jeová são uma organização "extremista" e ordenou o fim de suas atividades. A decisão levou à condenação de dezenas de seguidores em todo o país.

As buscas estão em andamento em mais de 20 diferentes regiões da Rússia, segundo o comitê. O vídeo de uma das batidas, publicado pelo Comitê Investigativo, mostra policiais quebrando a porta de um apartamento e, posteriormente, maços de notas russas e dólares são vistos dentro de uma pasta.

“Vários organizadores e participantes do movimento foram identificados e detidos”, disseram os investigadores em comunicado, sem dar mais detalhes.

O comitê justificou a ação dizendo que um “centro administrativo das Testemunhas de Jeová na Rússia” voltou a operar, apesar da decisão do tribunal. O relatório disse que uma nova filial foi iniciada em Moscou em junho de 2019. 

O grupo é acusado de realizar “reuniões secretas”, estudar “literatura religiosa” e “recrutar novos membros” na capital e outras regiões. As acusações criminais no caso podem levar a uma pena de prisão de até 10 anos.

Um porta-voz das Testemunhas de Jeová, Yaroslav Sivulskiy, disse à CBS News na terça-feira que pelo menos quatro pessoas foram detidas pela polícia nas batidas. Ele negou que o grupo tenha retomado seus trabalhos na Rússia.

“Não existe um 'centro administrativo' russo no momento”, disse Sivulskiy em entrevista por telefone da Finlândia.

Restrição religiosa

Mais de 400 Testemunhas de Jeová foram visadas por agências de segurança na Rússia desde a proibição. Dentre elas, dezenas foram acusadas e condenadas, disse a denominação em seu site no início deste mês. O acesso ao site está bloqueado na Rússia.

A decisão do tribunal de 2017 foi amplamente criticada por grupos de direitos humanos como discriminação contra uma minoria religiosa. “A Rússia não tem absolutamente nada a ganhar com a perseguição inútil, cruel e abusiva das Testemunhas de Jeová”, disse a Human Rights Watch, com sede em Nova York.

De acordo com Sivulskiy, milhares das 175.000 Testemunhas de Jeová da Rússia deixaram o país desde que a decisão foi proferida. “Estamos voltando aos tempos soviéticos”, disse ele.

Em fevereiro de 2019, sete Testemunhas de Jeová russas disseram que foram torturadas durante interrogatórios por agentes de segurança. Após esses relatórios, os Estados Unidos colocaram na lista negra dois funcionários regionais do Comitê Investigativo da Rússia.

O Departamento de Estado dos EUA, que repetidamente condenou o tratamento dado pela Rússia ao grupo, disse que as autoridades da cidade de Surgut, no oeste da Sibéria, supervisionaram os interrogatórios, nos quais pelo menos sete Testemunhas de Jeová foram supostamente submetidas a sufocamento, choques elétricos e espancamentos.

As prisões de membros do grupo continuaram mesmo depois que o presidente russo, Vladimir Putin, considerou “um absurdo” as perguntas do próprio conselho de direitos humanos do Kremlin sobre a repressão em 2018.

“As Testemunhas de Jeová também são cristãs, então não entendo muito bem por que persegui-las”, disse Putin na época. Putin é membro da Igreja Ortodoxa Russa, a organização religiosa politicamente mais poderosa do país.

Fonte: Guiame

Documentário mostra adultos induzindo menino de 4 anos a anunciar identidade feminina

O clipe de um novo documentário da HBO, chamado “Transhood”, está causando um grande rebuliço nas redes sociais, pois mostra um grupo de adultos conduzindo um menino biológico de 4 anos para anunciar publicamente que prefere se identificar como uma menina.

No vídeo de um minuto, o menino, cujo nome é Phoenix, é visto vestindo uma saia arco-íris enquanto é conduzido ao palco em uma cerimônia aparentemente religiosa que celebra pessoas que se identificam com uma série de descritores sexuais.

Phoenix está obviamente muito nervoso em fazer qualquer tipo de declaração pública. Então, quando recebe um microfone, a criança nervosa disse: “Eu sou um pouco tímida”.

"Você é um pouco tímido?", perguntou a mãe. "Você quer dizer a todos se você é menino ou menina?" Em resposta, Phoenix disse: "Só quero dizer a eles que sou uma menina".

No final das contas, a criança disse: “Eu não quero fazer isso”.

“OK”, respondeu a mãe. "Phoenix gostaria que você soubesse que ela é uma menina e prefere os pronomes 'ela' e 'dela'."

Com isso, a criança recebeu uma flor rosa e todos reunidos para a cerimônia disseram juntos: “Que vocês estejam bem, seguros e inteiros. Nós os honramos exatamente como você é.”

De acordo com um relatório da Time, Phoenix, que tinha 4 anos quando a HBO começou a filmar a série de documentários, primeiro se identificou como um "menino-menina", depois escolheu se identificar como mulher, antes de retornar à sua identidade biológica como homem em 7 anos de idade.

Sharon Liese, diretora da série, disse ao canal que “não é incomum que as crianças saibam [que são trans] quando são jovens”.

“As pessoas me perguntam: 'Como as crianças sabem quando têm 4 anos?'”, disse ela. “Eu rapidamente percebi que essa não era a questão. A questão é: ‘Como você não acredita neles?’”

Questões médicas em jogo

Abigail Shrier, autora do novo livro “Irreversible Damage: The Transgender Craze Seducing Our Daughters”, disse ao apresentador conservador de rádio Ben Shapiro que o transgenerismo é a única situação médica em que “cuidados afirmativos” - que, na verdade, permite que os pacientes liguem para todos os tiros - é considerado o único método viável de tratamento para disforia de gênero.

“Uma das partes principais em tudo isso é o ‘cuidado afirmativo’, que pode ser o tipo de escândalo médico mais terrível de nosso tempo”, disse Shrier a Shapiro. “É que todas as organizações de credenciamento médicas disseram aos médicos que o padrão apenas com relação à disforia de gênero - então apenas com esta doença - é afirmar o paciente, concordar com o autodiagnóstico do paciente. Absolutamente, entregar o julgamento e o receituário aos pacientes com relação a esta doença.”

“Então você tem uma população que está completamente autodiagnosticada, que é capaz de exigir, você sabe, efetivamente o curso do tratamento e eles estão recebendo esse tratamento no que é chamado de consentimento informado, o que significa que você entra em uma clínica de gênero e você assina um termo de responsabilidade e sai naquele dia com um curso de testosterona e, claro, até as meninas estão fazendo isso - até mesmo os menores ”, acrescentou ela.

Fonte: Guiame

China propõe rastreamento global da Covid-19 usando código QR

O presidente chinês, Xi Jinping, pediu um sistema de rastreamento global da Covid-19 usando códigos QR, para facilitar as viagens internacionais e a reabertura da economia durante a pandemia.

Falando na reunião virtual dos líderes do G20 no sábado (21), Xi disse que os países precisam coordenar suas políticas para facilitar o “funcionamento tranquilo” da economia global, segundo a agência de notícias estatal Xinhua.

“A China propôs um mecanismo global de reconhecimento mútuo de certificados de saúde com base em resultados de testes de ácido nucléico na forma de códigos QR que são aceitos internacionalmente. Esperamos que mais países adotem esse mecanismo”, disse Xi. 

Por outro lado, os defensores dos direitos humanos alertam que os códigos podem ser usados ​​para um “monitoramento político mais amplo” e “exclusão”.

O presidente chinês não deu mais detalhes sobre como o mecanismo pode funcionar, ou se é semelhante ao sistema de códigos QR da própria China, que avisa se os cidadãos devem ficar em quarentena ou não.

De acordo com o esquema que a China vem adotando desde fevereiro, os usuários recebem um código QR no formato de semáforo em seus celulares. O código verde permite o trânsito livre, enquanto o código laranja ou vermelho indica que é preciso ficar em quarentena por até duas semanas.

Os códigos são baseados em uma combinação de big data e informações enviadas pelos próprios usuários. A tecnologia foi desenvolvida pela fintech mais valorizada do mundo, a Ant Financial, controlada pelo grupo Alibaba.

Xi pediu ainda a reabertura da economia global, incluindo a restauração das “cadeias de abastecimento globais e industriais” e a “liberalização do comércio de suprimentos médicos essenciais”.

Cavalo de Tróia

Embora a China tenha conseguido controlar a propagação do coronavírus de forma mais eficaz do que a maioria dos países, o uso da tecnologia de rastreamento aumentou o temor de uma escalada da vigilância, em um país onde os cidadãos já são altamente monitorados.

O diretor executivo da organização Human Rights Watch, Kenneth Roth, expressou cautela sobre a proposta de Xi.

“Cuidado com a proposta do governo chinês de um sistema global de código QR”, disse ele no Twitter. “Um foco inicial na saúde poderia facilmente se tornar um Cavalo de Tróia para monitoramento político mais amplo e exclusão”.

A cidade chinesa de Hangzhou planeja fazer uma versão permanente do sistema de código QR, que seria usado para atribuir aos cidadãos uma “pontuação pessoal” com base no histórico médico, exames de saúde e hábitos de vida.

Os códigos QR têm sido usados ​​de forma diferente em outros lugares. Em Cingapura e na Austrália, por exemplo, eles são usados ​​para o “contact tracing”, um sistema que identifica todas as pessoas com as quais um paciente Covid-19 entrou em contato.

Para isso, os moradores fazem check-in e check-out de todos os lugares que visitam, incluindo shoppings, restaurantes e locais de trabalho.

Fonte: Guiame

Capelão militar dos EUA é demitido por pregar visão bíblica sobre a homossexualidade

Um ex-capelão da Força Aérea está se tornando mais uma voz na luta pela liberdade religiosa nos Estados Unidos. Curt Cizek pregou uma mensagem que, segundo ele, o levou à demissão da Força Aérea.

"Os homens colocam muito de quem são no que fazem e foi difícil quando puxaram o tapete debaixo de mim", disse Cizek.

Ele diz que nunca foi punido por pregar o Evangelho, até ministrar um sermão para recrutas em 2013 na Base Aérea de Lackland. A mensagem incluía princípios das Escrituras sobre a imoralidade sexual.

"A mensagem era sobre ‘o pecado que não achamos tão ruim", disse Cizek. “Se você está fazendo sexo com alguém com quem não é casado, precisa parar. Eu disse, 'sabe, às vezes a igreja cristã ganha a reputação de ser preconceituosa, porque olhamos para um pecado, a homossexualidade, e então fechamos os olhos e não dizemos nada sobre o pecado heterossexual, e isso é hipócrita'".

Ele diz que o que aconteceu foi um efeito dominó, que terminou em sua demissão, mesmo que contra a vontade dele.

"Eu descobri logo depois que uma estagiária lésbica registrou uma reclamação sobre o sermão", disse Cizek. "Ela reclamou que eu disse que todos os homossexuais vão queimar no inferno. Não sei que sermão ela ouviu, porque não foi isso que preguei naquele dia".

2.500 trainees ouviram o sermão daquele dia e Cizek diz que, pelo que sabe, apenas uma pessoa reclamou da mensagem.

“Também tínhamos uma comandante assumidamente lésbica trabalhando no treinamento básico e quando ela ouviu sobre a reclamação da estagiária, ela não concordou”, disse Cizek.

"Meus relatórios de desempenho foram rebaixados, minha recomendação de promoção foi rebaixada. Fui preterido duas vezes para promoção e involuntariamente afastado da Força Aérea em 2016".

Isso significa que mesmo com quase 30 anos de serviço, quase 20 deles na ativa, ele não pode se aposentar da Força Aérea. Cizek diz que embora seja uma perda líquida de mais de um milhão de dólares em pensões e benefícios de saúde, ele vê um problema maior.

"Mesmo se eu dissesse o que ela alegou que disse, está coberto pelo meu direito da Primeira Emenda de pregar e ensinar de acordo com minhas crenças religiosas", disse Cizek. "Ou acreditamos que todos têm os direitos garantidos pela Primeira Emenda ou não".

"Tudo o que ele quer fazer é servir a Deus e servir ao seu país, isso é tudo o que ele quer fazer", disse o advogado de Cizek, Paul Platte.

"Os regulamentos da Força Aérea permitiam especificamente que ele desse esse tipo de sermão. A Primeira Emenda protege sua liberdade de expressão e de religião. Portanto, francamente, achamos um absurdo o que aconteceu com ele".

Eles dizem que a Força Aérea nunca registrou por escrito que o sermão causou os relatórios de baixo desempenho, mas o acusou de “violar protocolos” não relacionados no processo. Cizek nega que tenha cometido qualquer violão e após apelar aos escalões mais altos da Força Aérea, recebeu um documento que supostamente mostrava os motivos da decisão, mas todo o texto explicando quais protocolos ele havia violado havia sido redigido.

"Aqui no topo da página está escrito os motivos da decisão e, em seguida, deixa em branco tudo que explica o motivo da decisão", disse o advogado, segurando o documento. "Mas sabemos por quê. Ele foi disciplinado três dias depois de fazer o sermão sobre a imoralidade sexual".

O site cristão ‘CBN News’ entrou em contato com a Força Aérea, para que pudesse comentar o caso e funcionários enviaram um comunicado que diz em parte: "Curt Cizek alega que foi vítima de represália ... com base na análise do conselho, eles não concluem que o candidato foi vítima de represália. O conselho afirma que ele não conseguiu estabelecer isso".

Cizek está pedindo ajuda aos legisladores e até mesmo à Casa Branca. O gabinete do vice-presidente encaminhou o caso de Cizek ao Conselho da Força Aérea para Correção de Registros Militares para reconsideração, mas as autoridades locais se recusaram a reabrir o caso. Agora, o escritório do Inspetor-Geral do Departamento de Defesa está investigando o caso. Cizek espera que os cristãos se posicionem sobre o quanto esse caso por soar mal.

"Precisamos de algum incentivo de outros cristãos", disse Platte. "Este é um momento para os cristãos conservadores serem ouvidos, fazendo com que seus legisladores, a Casa Branca, a Força Aérea e o Secretário de Defesa saibam como eles se sentem a respeito disso", disse Cizek. "A verdadeira intolerância está impedindo as pessoas de falar a verdade. Essa é a verdadeira intolerância e fanatismo que existe em nossa nação hoje."

Agora, que parece que a mudança está chegando à Casa Branca, Cizek não tem certeza se o governo Biden será tão solidário com sua causa. É por isso que ele acredita que o tempo é essencial para os cristãos falarem.

Cizek está pedindo aos cidadãos preocupados com sua situação que enviem um e-mail para a Casa Branca em seu nome.

Fonte: Guiame

Escola desiste de ação cristã solidária de Natal após reclamação de ateus, nos EUA

Uma escola do Estado do Kansas (EUA) cancelou sua participação na ‘Operação Natal Criança’ (“Operation Christmas Child”), depois que um grupo ateu escreveu ao distrito escolar, alegando que o programa “viola os princípios constitucionais básicos”.

O projeto anual é patrocinado pela organização cristã sem fins lucrativos ‘Bolsa do Samaritano’. A ação envia caixas de sapatos cheias de presentes de natal para crianças em mais de 160 países.

A Escola de Ensino Médio Liberty deve "encerrar a participação na ‘Operation Christmas Child’ ou realizar qualquer outra ação que promova o cristianismo, como incluir referências religiosas em anúncios matinais", escreveu o grupo jurídico ateísta, ‘Freedom From Religion Foundation’ (FFRF), a Tony Helfrich, superintendente do distrito escolar alegando que “muitas violações constitucionais flagrantes [estão] ocorrendo” na escola.

A instituição de ensino atendeu à exigência do grupo ateísta, anunciando o cancelamento de sua participação no programa.

“Com relação à participação de nossos alunos na‘ Operação Natal Criança ’, estamos interrompendo esse esforço ao descobrir que sua missão é mais sectária por natureza do que imaginávamos”, escreveu Helfrich em uma carta de resposta, emitida em 7 de novembro à FFRF.

“Muitos desses grupos dependem de autoridades escolares ignorantes sobre sua missão”, disse a co-presidente da FFRF, Annie Laurie Gaylor, em resposta à decisão de Helfrich. “Agradecemos pela rapidez com que o distrito interrompeu a arrecadação de fundos após nosso alerta”.

Ação evangelística

A Bolsa do Samaritano (‘Samaritan’s Purse) é liderada pelo Rev. Franklin Graham, filho do falecido evangelista Billy Graham. Quando crianças em todo o mundo recebem as caixas de sapatos cheias de brinquedos, elas também ouvem a mensagem do Evangelho e recebem um livreto que as ensina sobre Jesus Cristo.

Em uma entrevista recente ao The Christian Post, o neto de Billy Graham, Edward Graham, disse que as caixas de sapatos cheias de presentes estavam alcançando até mais crianças e pessoas não alcançadas com o Evangelho do que os massivos eventos evangelísticos globais que seu avô realizou ao longo de décadas.

“Mais crianças ouviram sobre Cristo por meio dessas distribuições de caixas de sapatos do que jamais ouviram sobre Cristo em estádios com meu avô”, disse Graham, vice-presidente de programas e relações governamentais da Operação de Natal.

Embate

A organização ateísta chamou Samaritan’s Purse de "uma organização religiosa amplamente sectária" e argumentou que o uso de "funcionários e recursos da escola para converter pessoas ao cristianismo viola os princípios constitucionais básicos".

“Embora seja louvável para uma escola pública promover o envolvimento dos alunos na comunidade por meio do voluntariado e doações a organizações de caridade, a escola não pode usar esse objetivo como uma via para financiar uma organização religiosa com uma missão religiosa,” acrescentou a FFRF em sua carta. “Certamente, existem outras organizações seculares sem fins lucrativos que oferecem oportunidades de caridade”.

Já a Bolsa do Samaritano diz que por mais de 40 anos deu o seu melhor para seguir o mandamento de Cristo, indo em ajuda dos pobres, enfermos e sofredores do mundo.

“Somos um meio eficaz de alcançar pessoas feridas em países ao redor do mundo com alimentos, remédios e outros tipos de assistência em Nome de Jesus Cristo. Isso, por sua vez, nos dá uma oportunidade de apresentar o Evangelho, as Boas Novas da vida eterna por meio de Jesus Cristo”, respondeu a organização cristã.

Na primavera de 2016, a Bolsa do Samaritano realizou um evento de divulgação para o povo Himba, um grupo de pessoas não alcançadas na vila de Opuwo, que fica na fronteira de Angola e Namíbia na África. Mais tarde naquele outono, um parceiro de ministério, Pastor Rizera, viajou por uma longa distância, através de caminhos de vacas e mais de seis leitos de rios secos para levar presentes em caixa de sapatos da Operação Natal Criança e a mensagem do Evangelho para as crianças do povo Himba.

A tribo Himba é formada por 50.000 pessoas semi-nômades, que vivem em uma região que vai do sul de Angola ao norte da Namíbia.

Antes da distribuição da caixa de sapatos, o povo de Ombaka praticava principalmente o culto ancestral e era resistente à mensagem do Evangelho, com menos de 3% das pessoas professando ser cristãs. Após um evento evangelístico da Operação Natal Infantil que recebeu 130 crianças na aldeia, 46 crianças e seis jovens manifestaram o desejo de continuar aprendendo mais sobre Jesus.

Fonte: Guiame

Organização LGBT pede que escolas que recusam ideologia de gênero não sejam credenciadas

O maior grupo de defesa LGBT dos Estados Unidos, ‘Human Rights Campaign’ (‘Campanha de Direitos Humanos’) (HRC), está pedindo à equipe do democrata Joe Biden — já visando sua administração em 2021 — que ajude a retirar a garantia do credenciamento de faculdades e escolas que não tiverem uma política que proíba a “discriminação com base na orientação sexual e identidade de gênero”.

A organização divulgou seus objetivos e enviou para a equipe de Biden em um documento de 11 de novembro, chamado ‘Blueprint for Positive Change’. O resumo de 22 páginas inclui dezenas de objetivos para a Casa Branca durante o governo Biden, mas seu direcionamento teria um grande impacto sobre as escolas e universidades cristãs.

De acordo com uma lei atual conhecida como Lei de Oportunidade de Ensino Superior, as agências de credenciamento devem garantir que seus padrões “respeitem a missão declarada da instituição de ensino superior”, incluindo a missão “religiosa” de uma escola.

Porém, em seu projeto, o HRC diz que a linguagem “poderia ser interpretada como exigindo que os órgãos de credenciamento credenciem instituições religiosas que discriminem ou que não atendam aos padrões curriculares baseados em ciência”.

O Departamento de Educação, HRC diz em seu projeto: “deve ser emitido um regulamento esclarecendo que esta disposição ... não exige o credenciamento de instituições religiosas que não atendam aos padrões de credenciamento neutros, incluindo políticas de não discriminação e requisitos de currículo científico”.

Albert Mohler, presidente do Seminário Batista Teológico, em Louisville, Kentucky chama essa recomendação de "sinistra".

“Eu nunca vi nenhum documento como este antes. A Campanha de Direitos Humanos está efetivamente pedindo que faculdades e escolas religiosas sejam coagidas à revolução sexual ou terão seu credenciamento retirado”, disse Mohler esta semana em uma coluna e em seu podcast. “... Em termos de credenciamento, isso é uma bomba atômica”.

“Em texto claro, para que todo mundo veja, a ‘Human Rights Campaign’ convoca a administração Biden a negar o credenciamento — ou, pelo menos, a facilitar a negação do credenciamento — a instituições cristãs, faculdades e universidades cristãs e, por essa questão, qualquer outra instituição religiosa ou escola que não atenda às demandas da ortodoxia LGBTQ. Isso significaria abandonar os padrões bíblicos de ensino, contratação, admissão, moradia e vida estudantil. Isso significaria que as escolas cristãs não seriam mais cristãs”, afirmou.

Mohler chamou isso de uma "ameaça aberta à capacidade das faculdades e escolas cristãs de operar pela convicção cristã".

“Esta é uma tentativa direta de eliminar a liberdade religiosa para as escolas cristãs - ou para qualquer escola religiosa que se recusa a se curvar aos revolucionários morais na Campanha pelos Direitos Humanos”, disse ele. “... Esta é uma tentativa indisfarçável de fechar qualquer semelhança com uma faculdade ou universidade cristã que tivesse a audácia de operar a partir de uma cosmovisão cristã”.

Fonte: Guiame

Atriz cristã perde contrato após expressar visão bíblica sobre homossexualidade

Uma atriz cristã está retomando na quinta-feira (19) um processo contra sua demissão por causa de um post no Facebook, no qual ela compartilhava a perspectiva bíblica sobre relacionamentos entre pessoas do mesmo sexo.

Seyi Omooba perdeu o papel principal em uma peça que estava em cartaz no Teatro Curve, em Leicester (Inglaterra) e na coprodução de 2019 do premiado musical ‘The Color Purple’, em Birmingham Hippodrome. O post no Facebook foi feito em 2014 e na publicação ela disse não acreditar que as pessoas pudessem "nascer gays".

“Não acredito que a prática homossexual seja certa”, escreveu ela.

O Teatro Curve de Leicester a dispensou do cargo, alegando que o post era "profundamente ofensivo para a comunidade LGBTQ".

Então, Omooba deu início a um processo judicial contra o teatro e seus agentes por sua demissão e garantiu o apoio de Lloyd Evans, crítico de teatro da revista

‘Spectator’, que afirmou em depoimento como testemunha.

"Não é importante para um ator concordar com os pontos de vista éticos ou os sentimentos de um personagem de uma peça. Se isso fosse necessário, a arte do drama não existiria, e muitas peças que consideramos clássicas seriam impossíveis de encenar", afirmou ele.

Mas o depoimento dele e do teólogo Dr. Martin Parsons, chamando o post no Facebook de "expressão justa e razoável das crenças cristãs", foram considerados inadmissíveis como evidência em audiências anteriores.

Omooba está contestando essa decisão no ‘Tribunal de Apelações Trabalhistas’ nesta quinta-feira.

Ela disse: "O teatro me deu a escolha: me retratar de uma declaração sobre minha fé ou perder meu emprego. Eu não poderia fazer isso, nem mesmo para salvar a carreira que amo. A agência tomou a decisão de rescindir meu contrato com base em informação falsa”.

"Enquanto continuo a buscar justiça, apelo aos tribunais para permitir que esta prova pericial seja ouvida", acrescentou

Andrea Williams, executiva-chefe do escritório de advocacia ‘Christian Legal Center’, que apóia Omooba, disse: "Esta história envia uma mensagem arrepiante aos cristãos, não apenas que trabalham no teatro, mas em toda a nossa sociedade: que se você expressa e mantém os pontos de vista bíblicos convencionais, será punido e perderá sua carreira se não renunciar imediatamente às suas crenças”.

"Estamos profundamente preocupados que as provas para um caso tão importante, que atraiu atenção e preocupação global, estejam sendo bloqueadas pelos tribunais", afirmou.

Fonte: Guiame

Missão envia 27.000 Bíblias e livros para a Albânia, país de maioria muçulmana

Um contêiner cheio de Bíblias e livros chegou à Albânia na semana passada, em 9 de novembro, em uma ação da organização missionária Mission Cry, sediada nos Estados Unidos. Foram mais de 27 mil exemplares em uma operação que custou quase meio milhão de dólares.

Para enviar o contêiner ao país de maioria muçulmana, localizado no sudeste da Europa, a Mission Cry teve que lidar com burocracia e certa resistência. De acordo com o presidente da organização, Jason Woolford, funcionários muçulmanos envolvidos na logística podem notificar as autoridades, que tentam atrapalhar o processo através da papelada.

“Tivemos que passar por muitos obstáculos para documentação, papelada e despachantes para que tudo fosse feito acima de qualquer reprovação”, disse Woolford ao Christian Post. “Eles encontrariam cada espaço não marcado. Pedimos às pessoas que orassem e Deus trabalhou”.

Woolford é um ex-sargento da Marinha dos EUA que se sentiu chamado a trabalhar pelo Reino de Deus.

Ele conta que teve uma visão de Deus em que cristãos vestiam armaduras, mas ainda perdiam batalhas. Nessa experiência, ele percebeu algo: “Eles não tinham o escudo da fé ou a espada da Palavra de Deus”, disse Woolford.

“Se as pessoas não têm a Palavra de Deus, é impossível para elas terem o escudo e a espada”, destacou.

Com as doações de livros e Bíblias, a Mission Cry ajuda a equipar os cristãos ao redor do mundo. Seu trabalho é importante porque muitos membros de igrejas, e inclusive pastores, não possuem sua própria Bíblia em algumas nações.

Sem a Bíblia e os livros cristãos, os novos crentes lutam para dar os próximos passos na fé e desenvolver uma teologia forte, disse ele. A necessidade de Bíblias supera a necessidade até mesmo de comida e água.

“Comida, água e roupas são coisas boas, mas talvez voltem vazias”, disse Woolford. “Você pode dar a alguém um copo de água e isso o deixará satisfeito por um minuto, mas quando você der a Palavra, isso o deixará satisfeito por toda a eternidade”.

Nos 64 anos de serviço da organização, foram doados mais de US$ 375 milhões em Bíblias para 178 nações, diz o site da Mission Cry.

“Eram Bíblias e livros cristãos que estavam nas prateleiras das pessoas nos Estados Unidos”, observou Woolford. “Isso dá às pessoas a oportunidade de serem missionários sem nunca sair do país”.

Fonte: Guiame

Evangélicos ocuparão 25% das cadeiras na Câmara Municipal de São Paulo

Os paulistanos elegeram 14 vereadores evangélicos para a próxima legislatura na Câmara Municipal de São Paulo, os quais tomarão posse em 1º de janeiro do próximo ano.

Segundo levantamento feito pelo Guiame, os evangélicos ocupação 25% das cadeiras do legislativo municipal, que tem 55 vagas.

Os novos eleitos são: Sansão Pereira (REPUBLICANOS), com 41.584 votos; Carlos Bezerra Jr. (PSDB), com 34.144 votos; Sonaira Fernandes (REPUBLICANOS), com 17.881 votos; Missionário José Olímpio (DEM), com 17.098 votos.

Saem do parlamento municipal paulistano: Adriana Ramalho (PSDB); David Soares (DEM); Noemi Nonato (PL); Souza Santos (REPUBLICANOS); e Patrícia Bezerra (PSDB). David Soares e Patrícia Bezerra não concorreram nestas eleições. Os demais ficaram como suplentes.

Dentre os mais votados estão: André Santos (REPUBLICANOS), com 41.584 votos; Rute Costa (PSDB), com 41.546 votos; Eduardo Tuma (PSDB), com 40.270 votos; Sansão Pereira (REPUBLICANOS), com 39.709 votos.

Mesmo sendo evangélicos, nem todos se consideram parte da “bancada evangélica”, como é o caso de Edir Sales, que já declarou não fazer parte do grupo.

Nomes conhecidos como Carlos Alberto Bezerra, que estava sem mandato após perder as eleições para deputado federal em 2018, e o Missionário José Olímpio, que ficou 10 anos atuando como deputado federal, em Brasília, retornam à casa legislativa municipal.

Os vereadores eleitos estão ligados a denominações como Assembleia de Deus, Batista, Bola de Neve, Comunidade da Graça, Evangelho Quadrangular, Mundial e Universal.

Na atual legislatura, que se encerra no final de 2020, são 15 vereadores evangélicos.

Veja os evangélicos eleitos para a legislatura 2021-2024:

1. André Santos (REPUBLICANOS), com 41.584 votos;


2. Rute Costa (PSDB), com 41.546 votos;


3. Eduardo Tuma (PSDB), com 40.270 votos;


4. Sansão Pereira (REPUBLICANOS), com 39.709 votos;


5. Atilio Francisco (REPUBLICANOS), com 35.345 votos;


6. João Jorge (PSDB), com 34.323 votos;


7. Carlos Bezerra Jr. (PSDB), com 34.144 votos;


8. Dra Sandra Tadeu (DEM), com 28.464 votos;


9. Isac Félix (PL), com 23.929 votos;


10. Edir Sales (PSD) 23.106 votos


11. Gilberto Nascimento Jr (PSC), com 22.659 votos;


12. Sonaira Fernandes (REPUBLICANOS), com 17.881 votos;


13. Missionário José Olímpio (DEM), com 17.098 votos;


14. Rinaldo Digilio (PSL), com 13.673 votos.


Fonte: Guiame


Homens armados sequestram 5 filhas de pastor, na Nigéria

Seis pessoas foram sequestradas depois que homens armados invadiram o subúrbio de Karaji, no estado de Kaduna, na Nigéria.

Entre as vítimas do incidente, que aconteceu a menos de 10 quilômetros da Casa do Governo, estão cinco filhas do pastor Istifanus Tiswan da Igreja da Embaixada de Cristo: Faith, Godsgift, Ruth, Damaris e Michelle.

A outra vítima é Haruna Barde, que escapou da violência de sua aldeia natal para se refugiar em Karji como uma pessoa deslocada internamente.

Os sequestradores ainda não fizeram contato com as famílias ou autoridades locais.

Luka Binniyat, porta-voz da União do Povo Kaduna do Sul, em um comunicado descrito como preocupante com a deterioração da situação de segurança na área, que levou ao assassinato e sequestro de moradores.

“O sequestro de nossos membros quase que diariamente se tornou uma fonte de grave preocupação para os residentes que vivem nas periferias de Buyaya, Maraban Rido, Gonin Gora, Karji e Unguwan Juji, todos subúrbios de Kaduna que estão sob Chikun LGA”, disse.

“Muitos abandonaram suas casas para se refugiar em áreas mais seguras. Enquanto isso, os nativos de Katarma, distrito de Chikun, no mesmo Chikun LGA estão fugindo em massa através do rio Kaduna e se refugiando com seus membros da tribo Gbagyi na cidade de Sarkin Pawa, no estado vizinho do Níger, como resultado de novos ataques contra sua comunidade”, afirmou Binniyat.

“Isso vai aumentar o número de aldeias que nossos membros Gbagyi tiveram que abandonar e fugir para salvar suas vidas, depois que muitos deles foram destruídos e capturados pela milícia Fulani no último ano”, declarou o porta-voz.

Governo ignora crimes

Binniyat disse que até agora, 45 comunidades foram deslocadas e ocupadas por seus agressores.

O grupo disse que os recentes ataques são uma sequência do assassinato de quatro homens Gbagyi por homens Fulani armados em 6 de outubro e 7 de novembro.

“Os homens foram emboscados e mortos na aldeia Dande, que faz parte da aldeia Kasaya, no distrito de Kunai de Chikun LGA”, relatou.

O grupo observou que, apesar do impacto dos ataques, o governador Nasir El-Rufai nunca visitou nenhuma das comunidades, apesar de estar nas proximidades da Casa do Governo.

“O esforço da Operação Safe Haven sob o comando do major-general Chukwuemeka Okonkwo, que estacionou um número suficiente de seus homens no distrito de Zangan, em Atakad Chiefdom, Kaura LGA, para possibilitar que deslocados retornassem às suas 9 comunidades abandonadas. Isso reduziu o número de nossos territórios ocupados de 109 para 101 se a aldeia de Katarma for adicionada”, disse Binniyat.

Ele citou os descolacamentos em massa devido aos frequentes ataques em Kaduna: “Os deslocados internos estimados de nossas comunidades afetadas são 50.000 e a maioria deles vivem em condições subumanas em campos de deslocados internos ou ocupados em miséria entre as comunidades pobres seguras o suficiente para aceitá-los no sul Kaduna”.

“Ainda assim, sob esta atrocidade indescritível contra uma grande área do estado de Kaduna, o governador Nasir el-Rufai do estado de Kaduna nunca visitou nenhuma das aldeias devastadas, algumas a menos de 30 km da Casa do governo Kaduna. Parece que, tanto para o estado de Kaduna quanto para o governo federal, esses cidadãos não existem e, se existirem, não importam”, afirmou o porta-voz.

Ele disse que “foi com choque e perplexidade que lemos as visitas de nosso governador, Sua Excelência, Mallam Nasir el-Rufai, à distante Lagos na semana passada, enquanto visitávamos algumas das propriedades danificadas durante a manifestação #EndSars, que foi violentamente sequestrada por mafiosos.

“Nosso governador disse que quase chorou ao ver a escala da destruição de propriedades públicas e privadas”, disse Binniyat.

“Estamos surpresos que nosso governador tenha lágrimas a derramar e possa mostrar um pouco de humanidade na tragédia de outra pessoa, não a mais gigantesca que se preocupa com o genocídio e a destruição física de magnitude não menor em seu estado”, criticou o grupo.

Fonte: Guiame

Cristão vence complicações graves da Covid-19 e médicos reconhecem milagre

Jeff Fusco experimentou uma recuperação milagrosa quando sobreviveu a um dos casos mais graves de Covid-19 já visto na Cleveland Clinic, em Ohio.

Em determinado momento, ele literalmente recebeu menos de duas horas de vida.

“Eu acho que podemos dizer isso com bastante confiança. Ele era um cara muito doente”, disse o Dr. Anthony Hayek, da Cleveland Clinic.

“É um milagre”, acrescentou a Dra. Elise Kwizera. “Olhando para o que ele lutou, e superou, foi absolutamente emocionante.”

Agora Fusco não apenas diz que experimentou um milagre médico graças à ajuda dos médicos, mas que também teve uma experiência de quase morte que o colocou face a face com Deus e uma entidade maligna.

“Eu não pedi isso, não fui procurar”, disse Fusco. "Simplesmente aconteceu comigo."

Fusco pegou o vírus perto do início da pandemia na primavera passada, quando os médicos não sabiam muito sobre o novo vírus. Ele teve febre de mais de 40 graus por pelo menos duas semanas e ficou em um ventilador por quase três semanas.

“Fiquei gelado, meus rins falharam, meu coração estava desacelerando e entrando em arritmia, meu fígado, todas as funções estavam parando”, relata Fusco.

Batalha

Foi quando o primeiro encontro sobrenatural de Fusco ocorreu, mas não seria o último. “...todos salvaram minha vida. Mas o que realmente salvou minha vida foi um milagre."

Sua fé e incrível sobrevivência não mudaram apenas sua vida, mas a vida de quase todos que ouvem seu testemunho. Ele espera que as pessoas que ouvem sua história se sintam inspiradas e saibam que são amadas.

“Não me preocupo com o amanhã, não me preocupo com pequenas coisas, realmente não. Não importa o que aconteça, contanto que eu seja fiel, estou bem”, disse Fusco.

Depois de passar quase oito semanas em vários hospitais e quase quatro semanas em um respirador, Jeff mal podia esperar para chegar em casa. Para sua família vê-lo depois de tanto tempo, e vê-lo indo tão bem - eles ficaram sem palavras.

"Não posso falar, deixe-me dizer", disse Joe Fusco, pai de Jeff. "É muito difícil, mas estou emocionado. Estou emocionado. Foi um longo corredor e graças a Deus ele está aqui. Realmente foi um milagre ele estar aqui, e estou falando sério. Obrigado a todos os médicos, enfermeiras, e todo mundo. "

Fonte: Guiame

Terroristas usam campo de futebol para decapitar mais de 50 pessoas em Moçambique

Mais de 50 pessoas foram decapitadas por militantes islâmicos em Cabo Delgado, no norte de Moçambique. Os terroristas transformaram o campo de futebol de um vilarejo em um “campo de execução”, onde degolaram as vítimas, segundo relatórios.

Este não foi o único local de massacre — várias pessoas também foram decapitadas em outra aldeia, informou a mídia estatal moçambicana.

Os militantes estão ligados ao Estado Islâmico (EI), dando ao grupo terrorista uma base no sul da África. Os extremistas têm explorado a pobreza e o desemprego na região para recrutar jovens, a fim de estabelecer o domínio islâmico.

No ataque brutal à aldeia de Muatide, os moradores que tentaram fugir foram capturados e levados para um campo de futebol local, onde foram decapitados e mutilados. O massacre começou na noite de sexta-feira (6) e foi até domingo (8),  informou o Pinnancle News. Pelo menos 50 pessoas foram decapitadas.

Na aldeia de Nanjaba, também na noite de sexta-feira, homens armados gritaram “Allahu Akbar” (“Alá é o maior”, em português), disparando e incendiando casas. Segundo a agência de notícias estatal de Moçambique, houve sobreviventes. Duas pessoas foram decapitadas na aldeia e várias mulheres sequestradas.

Uma série de ataques militantes tem acontecido na província de Cabo Delgado desde 2017. Cerca de 2.000 pessoas foram mortas e 430.000 ficaram desabrigadas no conflito na província de maioria muçulmana.

O governo de Moçambique apelou por ajuda internacional para conter a insurgência, dizendo que suas tropas precisam de treinamento especializado.

Em abril, mais de 50 pessoas foram decapitadas ou mortas a tiros em um ataque a uma aldeia em Cabo Delgado e no início deste mês, nove pessoas foram decapitadas na mesma província.

Em entrevista ao Guiame, a cantora moçambicana Selma Uamusse falou sobre o panorama do país. Embora o conflito envolva aspectos econômicos, políticos e sociais, ela acredita que também há uma batalha espiritual em Cabo Delgado. “Há uma guerra que não é apenas física, mas há uma guerra espiritual também”, destaca.

Em meio a esse contexto, organizações como a Iris Global, sediada em Moçambique, fundada pelos missionários Heidi e Rolland Baker, tem fornecido ajuda humanitária e fortalecido as aldeias com a Palavra de Deus.

Pelo menos 10 mil pessoas têm sido alimentadas diariamente em Cabo Delgado, incluindo deslocados internos, viúvas, deficientes físicos e famílias vulneráveis. “O amor é uma ação”, disse Heidi Baker em vídeo publicado pela organização.

“Em resposta ao terrorismo radical e à pandemia global da Covid-19, nós e o Iris acreditamos que este é o momento perfeito para sermos luz nessas situações sombrias. Estamos alimentando os famintos espiritual e fisicamente. Todos nós somos chamados a parar por quem precisa, com o poder do Espírito Santo”, disse a missionária.

Fonte: Guiame

Em novo marco, aplicativo da Bíblia está disponível em 1.500 idiomas

O aplicativo da Bíblia agora está disponível em 1.500 idiomas, em um novo marco alcançado pela plataforma YouVersion.

O aumento no número de idiomas tem sido contínuo ao longo da última década. Em 2012, a Bíblia estava disponível em 100 idiomas no aplicativo. Em 2014, o número subiu para 500 e em 2016 para 1000. No mês passado, foi alcançada a marca de 1500 línguas. 

A conquista representa um grande passo para tornar a Bíblia mais acessível ao redor do mundo, segundo a YouVersion e a Wycliffe Bible Translators, que trabalham juntas no projeto de tradução das Escrituras.

James Poole, diretor executivo da Wycliffe nos EUA, acredita que ter a palavra de Deus em formato digital é “crucial” para alcançar o maior número de pessoas possível. 

“Ouvimos muitos relatos de pessoas que chegam a fé em Jesus por lerem ou ouvirem as Escrituras online ou nos celulares, em seu próprio idioma, e disponibilizamos as traduções de forma ampla para permitir isso”, explica Poole.

Quando o aplicativo da YouVersion é adicionado a outras plataformas como 'Faith Comes by Hearing' ou 'Global.bible', o número total de idiomas disponíveis aumenta para mais de 1.900. 

No entanto, a YouVersion representa apenas 20% de todos os idiomas do mundo, um número que aumenta ligeiramente para 27% quando somado aos idiomas disponíveis em outras plataformas. 

“Esses são números muito encorajadores e o trabalho de tradução da Bíblia está se acelerando. No entanto, a Wycliffe continua se esforçando [para alcançar o] um em cada cinco que atualmente não tem a Bíblia no idioma que eles entendem melhor”, acrescentou Poole.

Fonte: Guiame

"Deus me cercou com anjos", diz 1º homem com síndrome de Down a completar prova de triatlo

Um homem com síndrome de Down na Flórida está comovendo o mundo e mostrando que nenhum objetivo é grande demais para ser perseguido, até mesmo por um portador de uma deficiência.

Chris Nikic de Maitland se tornou a primeira pessoa com síndrome de Down a completar um triatlo do Ironman no dia 7 de novembro.

Com uma mensagem emocionante no Instagram, Chris falou que sentiu-se cuidado por Deus e chamou a atenção para a conscientização da população e também sobre a inclusão de pessoas com deficiência.

“Ironman. Objetivo definido e alcançado. [...] Sim, eu completei o trabalho, mas tinha anjos me ajudando. Deus me rodeou com anjos. Melhor parte de tudo. Nova família e amigos”, destacou ele em sua publicação.

“Tudo isso tem a ver com conscientização e inclusão. Conscientização para Síndrome de Down e Olimpíadas Especiais. Inclusão para todos nós com todos vocês”, acrescentou.

Chris também convidou as pessoas a apoiarem as instituições de caridade que ele ajuda, acessando seu site ChrisNikic.com e buscando mais informações.

“Alcancei meu objetivo e agora quero ajudar outras pessoas como eu. Obrigado a @ironmantri e @im_foundation por tornar isso possível. Obrigado @specialolympics @specialolympicsfl por iniciar o programa de triatlo. Obrigado @rodsracing por dar um lar para bebês como eu. Estarei agradecendo a muito mais pessoas nos próximos dias. Mas devo começar com os 3 anjos que treinaram comigo e fizeram a corrida comigo. Dan, Jenn e Carlos. #inclusão”, finalizou.

Em uma postagem no Facebook, a organização do Ironman parabenizou Chris, acrescentando que ele "quebrou barreiras ao provar, sem dúvida, que tudo é possível!”.

“As oportunidades que você criou para outras pessoas ao redor do mundo nesta jornada que você embarcou são imensuráveis", disse parte do texto.

O jovem de 21 anos nadou 3,8 quilômetros, pedalou 180 quilômetros e correu 67 quilômetros em Panama City Beach, terminando tudo 14 minutos antes do tempo limite. Nikic e seu guia, Dan Grieb, terminaram o desafio juntos.

O recém-nomeado Ironman também foi adicionado à lista do Guinness World Records.

"É uma honra receber Chris na fraternidade do Guinness World Records como o primeiro atleta com síndrome de Down a completar um IRONMAN", disse o editor-chefe do Guinness, Craig Glenday. "Estou ansioso para ver o que mais está reservado para este jovem notável".

E apesar do grande feito, Chris ainda pretende avançar. Em sua publicação do Instagram, ele escreveu que agora é "hora de definir uma meta nova e MAIOR para 2021".

“Seja qual for, a estratégia é a mesma: 1% Melhor a cada dia”, afirmou o rapaz.

Para manter o incentivo durante o treinamento, Chris e seu pai Nik criaram esse princípio.

"Para Chris, esta corrida foi mais do que apenas uma linha de chegada e celebração da vitória", disse ele. "O Ironman serviu como sua plataforma para se tornar um passo mais perto de seu objetivo de viver uma vida de inclusão, normalidade e liderança".

Fonte: Guiame

Colégio do RJ adota linguagem de 'gênero neutro': "Querides alunes"

O colégio Liceu Franco-Brasileiro, na Zona Sul do Rio de Janeiro gerou polêmica entre pais e responsáveis de alunos, ao emitir uma circular, informando que irá adotar “estratégias gramaticais de neutralização de gênero na instituição".

A exemplo disso, a escola já expôs como serão usados alguns termos nesse novo sistema. A expressão "queridos alunos", por exemplo, será substituída por "querides alunes", o que indica não haver inclicanação, nem para o gênero feminino, nem para o masculino nas palavras.

A direção da escola tentou justificar a decisão, alegando que a neutralização de gênero gramatical visa “tanto o enfrentamento do machismo e do sexismo no discurso quanto à inclusão de pessoas não identificadas com o sistema binário de gênero.

Ainda de acordo com a circular, a alteração permite que "docentes e estudantes manifestem livremente sua identidade de gênero contribuindo para uma representação mais digna e igualitária dos diferentes gêneros".

Além disso, o comunicado enviado aos pais também informou que o ‘Comitê da Diversidade e da Inclusão’ realizará palestras sobre a questão no colégio.

As reações dos pais foram divergentes. Alguns foram favoráveis, mas outros repudiaram a decisão. O pai de um aluno do 7º ano, que pediu para não ser identificado, disse que não é contra que os professores e alunos se tratem em um "terceiro gênero".

"Eu consigo pensar fora da minha bolha. Se o colégio tiver algum aluno ou for receber alunos que vão se sentir melhor com esse tipo de comunicação eu não tenho como ser contra. Isso não vai mudar os valores do meu filho. Se vai fazer as outras pessoas se sentirem bem, OK. Se o professor chegar na sala de aula e ao invés de falar 'oi, meninos', falar 'oi, menines', isso não vai mudar a minha vida nem a do meu filho", afirmou.

Já a mãe de uma aluna do 6º ano, que também pediu para não ter o nome divulgado, explicou que está preocupada quanto à qualidade do ensino da língua portuguesa a partir de então.

"Estamos cobrando um posicionamento da escola, todos foram pegos de surpresa. Eu sou contra o ensino da mudança da língua portuguesa. Isso eu sou absolutamente contra. Até porque tem palavras que quem define o gênero é artigo. O português é muito complexo e eu acho que não tem necessidade dessa mudança. É uma corrente que está ganhando força nos ambientes escolares, debates sobre a neutralização, vídeos circulam e defendem isso. Eu não sou a favor do ensino disso na sala de aula. A maioria dos pais não está aceitando isso. Eu não gostaria que a mudança de português fosse ensinada e cobrada dos alunos", disse ela.

Ao comentar a situação, a direção do Liceu Franco-Brasileiro afirmou que é uma instituição "comprometida com a qualidade da educação e o respeito à diversidade e à inclusão" e reforçou “o respeito à autonomia de professores e alunos no uso da neutralização de gênero gramatical na escola”.

O caso foi comentado no programa “Pingos nos Is”, da Jovem Pan, que é apresentado por Vitor Vitor Brown, com participação dos jornalista Augusto Nunes, José Maria Trindade e Guilherme Fiuza e a atleta e comentarista Ana Paula Henkel.

Fonte: Guiame

Arqueólogos encontram fortaleza do tempo do rei Davi, em Israel

A Autoridade de Antiguidades de Israel (IAA) informou que suas escavações na região do Golã revelaram uma fortaleza da época do Rei Davi, durante os séculos 11 a 10 aC. Este complexo fortificado único levanta novas questões de pesquisa sobre o assentamento de Golan na Idade do Ferro.

Os arqueólogos acreditam que o forte foi construído pelo reino de Gesur, um aliado do rei Davi, para controlar a região. A escavação foi realizada antes da construção de um novo bairro em Hispin e financiada pelo Ministério da Habitação e Construção e pelo Conselho Regional do Golã, com a participação de muitos residentes de Hispin e Nov, e alunos das academias pré-militares de Natur, Kfar Hanasi, Elrom, Metzar e Qaztrin.

De acordo com Barak Tzin e Enno Bron, diretores de escavação em nome do IAA, a localização da Fortaleza tinha como objetivo possibilitar uma melhor visão da área.

“O complexo que expusemos foi construído em uma localização estratégica no topo da pequena colina, acima do cânion de El-Al, com vista para a região, em um local onde era possível para atravessar o rio. As paredes de forte de 1,5 m de largura, construídas com grandes blocos de basalto, circundavam a colina. Na escavação, ficamos surpresos ao descobrir um achado raro e emocionante: uma grande pedra de basalto com uma gravura esquemática de duas figuras com chifres e braços abertos. Também pode haver outro objeto próximo a eles”, disseram.

Descobertas em Betsaida

Uma figura esculpida em uma estela (coluna) de pedra foi encontrada no Projeto de Expedição Betsaida em 2019, dirigido pelo Dr. Rami Arav da Universidade de Nebraska, em Betsaida, ao norte do Lago Kinneret (Mar da Galiléia). A peça, que representa uma figura chifruda com braços abertos, foi erguida ao lado de uma plataforma elevada adjacente ao portão da cidade. Esta cena foi identificada por Arav como representando o Culto ao Deus da Lua. A pedra Hispin estava localizada em uma prateleira próxima à entrada, e não uma, mas duas figuras estavam retratadas nela.

De acordo com os arqueólogos, “é possível que uma pessoa que viu a impressionante estela de Betsaida tenha decidido criar uma cópia local da estela real”.

A cidade fortificada de Betsaida é considerada pelos estudiosos a capital do reino arameu de Gesur, que governou o centro e o sul de Golã há 3.000 anos. De acordo com a Bíblia, o reino mantinha relações diplomáticas e familiares com a Casa de Davi e uma das esposas de Davi era Maacah, filha de Talmi, rei de Gesur.

Cidades do reino de Gesur foram encontradas ao longo da costa de Kinneret, incluindo Tel En Gev, Tel Hadar e Tel Sorag, mas esses locais são raros no Golã.

Agora, os arqueólogos pesquisarão a possibilidade de que o reino de Gesur tivesse uma presença no Golã mais extensa do que se pensava anteriormente.

Após esta descoberta, alterações nos planos de desenvolvimento serão realizadas em conjunto com o Ministério da Habitação e Construção para que a única fortaleza não seja danificada. O complexo deve se desenvolver como um espaço aberto junto à margem do rio El-Al, onde serão desenvolvidas atividades arqueológicas pedagógicas, como património cultural e uma ligação com o passado. Isso se alinha com a política do IAA de que aprender o passado através do trabalho no campo fortalece os laços da geração mais jovem com suas raízes.

Fonte: Guiame

Bombeiros se emocionam ao ver Bíblia intacta após incêndio: “Poder divino”

Um incêndio provocado por um curto circuito em Jaboticabal, na Região Metropolitana de Ribeirão Preto (SP), destruiu uma casa inteira na quarta-feira (4). O único objeto que resistiu às chamas foi uma Bíblia.

No início da noite, a moradora da casa, a aposentada Cleusa de Jesus Brito, estava tomando banho quando ouviu um barulho no quarto. Ao se deparar com as chamas, ela pediu ajuda aos vizinhos.

O Corpo de Bombeiros de Jaboticabal foi acionado e controlou as chamas durante a noite. No dia seguinte, a equipe retornou à residência depois de serem informados que o incêndio havia sido reiniciado e encontraram a Bíblia intacta em meio aos destroços.

As imagens foram publicadas pelos bombeiros no Facebook e emocionaram milhares de pessoas nas redes sociais. “Depois de verificar novamente a casa, foi encontrado no meio de tudo uma Bíblia, que não pegou fogo. Mostra o poder divino perante a nós!”, disse o bombeiro Sylvestre Natiele Vicentte Heitor.

Dona Cleusa também se emocionou com o achado. “[O bombeiro] me disse: ‘Aqui na Bíblia tem Deus’. Eu comecei a chorar. Começou a doer meu coração, não é tanto de ter perdido as coisas. Mas isso aqui é tudo para mim. Há muitos anos eu toco em igreja”, disse à reportagem do Cidade Alerta.

No retorno à residência, os bombeiros notificaram que havia “apenas cheiro de fumaça”. Com a destruição da casa e dos móveis, dona Cleusa está morando com a neta e a filha.

Mesmo com diabetes e um problema na coluna, a aposentada cuida do ex-marido, que também tem problemas de saúde. Ela paga o aluguel e as contas da casa com um salário mínimo e agora pede qualquer tipo de ajuda.

“É difícil, mas eu creio em Deus. Vai dar tudo certo. Eu quero meu cantinho”, disse Cleusa.

Aos interessados em ajudar, ligue para (16) 99745-4742.

Fonte: Guiame

Cristãos fazem doações à população afetada por apagão no Amapá

A população do Amapá ficou sem energia elétrica na terça-feira (3) depois que um incêndio atingiu três geradores de eletricidade da principal subestação do estado, em Macapá. O apagão chega ao 7º dia nesta segunda-feira (9).

Segundo o Ministério de Minas e Energia, 14 dos 16 municípios amapaenses foram afetados pela falta de energia elétrica, afetando diretamente cerca de 700 mil pessoas. Isso representa 85% da população de 829.424 habitantes do Amapá.

A falta de eletricidade gerou problemas no fornecimento de água potável e nas telecomunicações, além de filas nos postos de combustíveis e prejuízos ao comércio.

Em uma resposta inicial à crise, a ADRA Brasil, a agência humanitária da Igreja Adventista do Sétimo Dia, irá fornecer água para 450 famílias amapaenses, enquanto avalia outras necessidades dos moradores. 

“Ainda temos incertezas sobre qual é a melhor forma de ajudar essas pessoas. Hoje sabemos que as famílias precisam, principalmente, de água e comida. Nossa primeira resposta irá neste caminho”, disse André Alencar, coordenador de emergências da ADRA Brasil.

No sábado, a ADRA, que está presente em mais de 130 países, iniciou uma campanha de arrecadação de fundos através de suas redes sociais. Nos próximos dias, o foco estará na doação de alimentos para os atingidos.

O fornecimento de energia começou a se normalizar em 13 dos 16 municípios do estado. Como solução provisória, o governo estabeleceu um rodízio do fornecimento de luz por regiões, com duração de 6 horas. De acordo com o G1, no entanto, há locais onde a energia voltou por apenas 2 horas.

Fonte: Guiame

Baseado na história de Jeremy Camp, filme ‘Enquanto Estivermos Juntos’ estreia em novembro

A espera acabou. Para quem estava na expectativa de assistir ao filme "Enquanto Estivermos Juntos" (Paris Filmes), vai finalmente poder conferir a produção nos cinemas brasileiros em 19 de novembro. A estreia estava inicialmente agendada para abril, mas teve que ser remarcada por causa do fechamento dos cinemas, devido a pandemia.

K.J. Apa, famoso por interpretar Archie Andrews na série “Riverdale”, protagoniza o cantor norte-americano Jeremy Camp em sua jornada na luta contra o câncer agressivo de sua esposa Melissa Henning, interpretada por Britt Robertson. A história se concentra nos desafios encontrados pelo casal na expectativa pela cura.

Dirigido pelos irmãos Andrew Erwin e Jon Erwin (de “Eu Só Posso Imaginar”), o longa apresenta uma trilha sonora diferenciada e tem como “carro-chefe” a canção de Jeremy Camp, ‘I Still Believe’, música que dá nome ao filme e que foi escrita durante este processo encarado por eles.

“Enquanto Estivermos Juntos” conta a história de um casal cristão repleta de ensinamentos como amizade, paixão e companheirismo. O filme retrata de que forma o elo entre pessoas que se amam pode fortalecer a fé e dar forças para resistir às batalhas. Acreditar, esperar em Deus, clamar por cura são ações importantes para todo cristão, mas não são fáceis, é preciso perseverança e confiança seja qual for a vontade d'Ele.

Prêmio

I Still Believe, que estreou nos cinemas nos Estados Unidos em março de 2020 foi indicado em duas categorias para o prêmio People's Choice Awards como “melhor filme de drama de 2020” e “melhor estrela de cinema de drama de 2020 (KJ Apa)”. Os vencedores serão anunciados no domingo, 15 de novembro no E! (Televisão de entretenimento americana). O filme foi indicado graças ao roteiro muito bem estruturado, com fotografia e trilha sonora muito bem dirigidas e, claro, pela interpretação excelente de KJ Apa. 

“Eu acho que o que me deu paz e conforto foi que K.J me perguntou bem no começo das filmagens ‘ei, como você reagiu nessa situação?’ e para mim isso quis dizer ‘eu me importo o bastante com você, com quem você é e em como interpretá-lo que quis te perguntar isso pessoalmente’. Ele não precisava fazer isso. Ele é ator, eu não atuo. Mas ele queria saber ‘Ei, como posso retratá-lo com precisão?’ E, honestamente, ele fez um bom trabalho - foi difícil de assistir! Porque ele fez um trabalho tão bom que trouxe todas essas emoções, e a química entre KJ e Britt foi tão real que você fica: ‘Uau, isso é difícil de assistir porque parece tão real’”, ressalta Jeremy Camp.

Fonte: Guiame

‘Se Jesus voltasse, teria voltado gay’, diz Porchat após STF autorizar especial de Natal

O filme "A Primeira Tentação de Cristo", o especial de Natal do Porta dos Fundos que retrata Jesus como homossexual, na Netflix, foi premiado pela Associação Brasileira de Autores Roteiristas (ABRA) em sua quarta edição.

Em seu discurso no evento, transmitido online na sexta-feira passada (30), o comediante Fábio Porchat disse que o Porta dos Fundos “não vê polêmica” em insinuar que Jesus teve uma experiência homossexual após 40 dias no deserto.

“Ser gay não é um problema, não é uma falha, não é uma questão de caráter. Ser gay é uma característica. Então, Jesus ser gay não depõe contra Jesus. Ao contrário. Tenho certeza que se Jesus voltasse, e tenho certeza que já tentou, ele teria voltado gay, travesti, mulher, preta e teria morrido em três dias, e não em 33 anos”, disse Porchat. 

“E se tentam nos intimidar falando que a gente não pode falar nada, que a gente não deve tocar neste assunto, fique sabendo que dia 10 de dezembro estreia o especial de Natal do Porta dos Fundos no You Tube chamado 'Teocracia em Vertigem'. Fiquem atentos porque a gente não se cala. A gente não vai se calar”, Porchat acrescentou.

A fala do comediante repercutiu na imprensa nesta semana, após a decisão unânime do Supremo Tribunal Federal (STF) na terça-feira (3) de manter a exibição do filme na Netflix.

O especial chegou a ser suspenso em 8 de janeiro, após decisão do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro à pedido de uma associação católica. Um dia depois, em 9 de janeiro, o ministro Dias Toffoli concedeu uma decisão liminar liberando a exibição do filme. Na última terça, a Segunda Turma do STF confirmou a decisão de Toffoli.

Para o advogado que representa a Netflix no caso, Gustavo Binembojm, o filme é um “exercício genuíno” da liberdade artística e alegou que não houve violação da liberdade religiosa.

O relator da ação, o ministro Gilmar Mendes, apresentou a jurisprudência da Corte seguindo o mesmo preceito da liberdade de expressão artística.

“Ao analisar os presentes autos, concluo que a obra 'Especial de Natal Porta dos Fundos: A Primeira Tentação de Cristo' não incita violência contra grupos religiosos, mas constitui mera crítica, realizada por meio de sátira, a elementos caros ao Cristianismo. Por mais questionável que possa vir a ser a qualidade desta produção artística, não identifico em seu conteúdo fundamento que justifique qualquer tipo de ingerência estatal”, Gilmar alegou.

Fonte: Guiame

Presidente do STF retira ideologia de gênero da pauta de votações

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux retirou da pauta do próximo dia 11 a ação do PSOL que pretende obrigar às escolas públicas e particulares o dever de ensinar crianças e adolescentes sobre teorias de gênero.

O partido contesta no STF a exclusão do tema no Plano Nacional de Educação, aprovado em 2014 no Congresso. A lei fala em erradicação de todas as formas de discriminação, preconceitos e violências na escola, mas sem menção à orientação sexual dos alunos.

Impetrada pelo PSOL, a ADI 5.668 pede a aceitação irrestrita do comportamento homossexual entre crianças, com todas as consequências possíveis: banheiros comuns, uso do nome social, aprovação do namoro entre menores de idade do mesmo sexo, aulas sobre teorias de gênero, etc.

A decisão de Fux ocorreu após receber deputados da Frente Parlamentar Católica, da Frente Parlamentar Evangélica e representantes da Anajure, amicus curiae no processo.

Ideologia de gênero

A ideologia de gênero - assim chamada por não ter comprovação científica - defende que ninguém nasce homem ou mulher, mas que cada indivíduo deve construir sua própria identidade, isto é, o seu gênero ao longo da vida. Por isso, ativistas LGBT insistem que as crianças devem ser estimuladas a outras experiências para decidir se querem ser do sexo masculino ou feminino.

As pesquisas sobre disforia de gênero na infância mostram como a veiculação dessa ideologia é prejudicial às crianças. Estudos como o do American College of Pediatricians, publicado pela Gazeta do Povo, concluem pela falta de evidências sólidas para estimular a mudança de sexo entre crianças, o que pode fomentar tratamentos invasivos, precoces e irreversíveis que produzem graves efeitos físicos e psicológicos.

De acordo com a psicóloga Marisa Lobo, “a ideologia de gênero é mentira, e aqueles que a defendem inventam e militam social e culturalmente para promover o tema”. Autora de livros que falam sobre o assunto, Marisa diz que é “por isso a que gente vive descontruindo a ideologia de gênero.”

Marisa Lobo diz ainda que eles querem quebrar o paradigma de que homem nasce homem e mulher nasce mulher para contestar religiões e a sociedade, pois querem ter o direito de viver como querem, mas que isso não pode afetar as crianças.

A psicóloga diz que as crianças acabam sofrendo assédio moral, psicológico e acabam sofrendo com doenças mentais. “As pessoas têm o direito de fazer o que quiserem, mas essa interferência na infância está causando uma patologia chamada disforia de gênero. É contra isso que a gente luta”, explicou.

Fonte: Guiame

Mais de 1.000 líderes pedem igrejas abertas em segunda onda de Covid-19 na Europa

A temida "segunda onda" do vírus Covid-19 está atingindo a Europa e os governos implementaram novas restrições que, em muitos casos, afetarão as igrejas.

Muitos líderes evangélicos reagiram às fortes restrições. Uma primeira carta aberta chamada Primeiro Ministro Boris Johnson para entender que “o culto público da igreja cristã é particularmente essencial para o bem-estar de nossa nação”. Eles pediram para “encontrar maneiras de proteger aqueles que realmente são vulneráveis ​​à Covid-19 sem restrições desnecessárias e autoritárias”.

Esta semana, uma segunda carta aberta assinada por mais de 1.000 líderes da igreja foi enviada ao governo e membros do Parlamento. “As igrejas fazem de tudo para garantir que a adoração não seja suspensa novamente. (…) Frequentar a igreja agora apresenta um risco muito baixo de transmissão do vírus, muito menor do que muitas das atividades que permanecerão abertas durante este próximo bloqueio”, disse.

“É uma questão de grande aflição para nós e para o povo cristão que o governo da nação que amamos nos proíba de nos reunirmos para adorar a Deus que reivindica nossa mais alta lealdade; especialmente quando isso foi feito sem razões claras de por que é necessário”, relatam.

"Mês de oração"

Os bispos anglicanos também lamentaram que o governo não os consultou sobre o anunciado, mas pediu para transformar a falta de reuniões na igreja em um "mês de oração" e uma oportunidade de retornar às "disciplinas espirituais fundamentais que moldam nossa vida cristã".

Além disso, setenta líderes da igreja assinaram uma carta de “pré-ação” dizendo que buscarão ação legal para derrubar a proibição de reuniões da igreja.

No País de Gales, alguns líderes evangélicos disseram que o chamado "bloqueio corta-fogo" ordenado pelas autoridades regionais (que proíbe reuniões na igreja por três domingos consecutivos, entre outras restrições) foi uma "interferência extrema" na liberdade de pensamento, consciência e religião.

A Evangelical Alliance UK publicou um artigo de análise em seu site no dia 2 de novembro, dizendo que “a ausência de qualquer evidência apresentada de que igrejas - ou quaisquer outros locais de culto - são fontes de transmissão comunitária torna seu fechamento mais difícil de ouvir”. A EAUK irá “pedir ao governo que forneça evidências que confirmem como o fechamento de edifícios de igrejas ajudará a deter a propagação do vírus”.

A maioria dessas avaliações críticas das decisões do governo incluiu gratidão aos trabalhadores dos serviços de saúde e um claro compromisso de continuar a seguir as medidas recomendadas de higiene e distanciamento social.

Na Escócia e na Irlanda do Norte, as igrejas não foram obrigadas a fechar.

Cultos presenciais proibidos na França

Um máximo de 20 pessoas poderão se reunir em locais de culto na França, mas apenas por “razões técnicas” como “preparar e transmitir cultos na internet”, disse o Conselho Nacional dos Cristãos Evangélicos (CNEF).

Os edifícios da igreja podem permanecer abertos, mas apenas para casamentos (limite: 6 assistentes) e funerais (limite: 30 assistentes).

“O CNEF está ciente das dificuldades que surgem nestes meses de crise de saúde na vida das igrejas e obras. Juntos, acreditamos que nosso Deus nos apoiará moral e espiritualmente nas próximas semanas”, disse o corpo evangélico, citando Isaías 30:15. “Cremos que a mensagem da salvação em Cristo é ainda mais pertinente: deixe-a brilhar através das nossas ações e palavras”.

Restrições pesadas na Suíça

Na Suíça, as reuniões em locais de culto estão agora limitadas a um máximo de 50 pessoas, mas os cantões regionais usaram sua capacidade para reduzir ainda mais esse número. A capital Berna e sua região só permitirão encontros religiosos de 15 pessoas, e Valais reduz esse número para 10 participantes.

A Aliança Evangélica Suíça encorajou as igrejas a responder às “muitas inseguranças” com uma “abordagem esperançosa”. As restrições são “dolorosas” e afetam os cidadãos, mas o corpo evangélico não as vê como “uma inadmissível redução da liberdade religiosa”.

Junto com a federação de igrejas livres, a Alliance conduziu uma pesquisa “Igreja e Coroa” na qual eles descobriram que as igrejas estão procurando “encontrar um bom equilíbrio entre reuniões online e pequenos grupos”, a “criação de espaços para as pessoas expressarem seu lamento, medos e tristezas” e as “discussões internas nas igrejas sobre o futuro”.

Sem chances drásticas na Alemanha, Áustria e Espanha

Na Alemanha, as novas restrições de ‘lockdown light’ anunciadas pela chanceler Angela Merkel em 29 de outubro não vão mudar a situação das igrejas. Os locais de culto permanecerão abertos e os grupos religiosos decidirão por si próprios se tomarão outras medidas para reduzir o risco de contágio.

Também na Áustria, a situação não muda muito para os locais de culto. A necessidade de respeitar o distanciamento social de 1,5 metro no interior dos edifícios se soma às medidas gerais de lavagem das mãos e uso de máscaras faciais.

A Espanha estava entre os países europeus com as maiores restrições à mobilidade no primeiro bloqueio. Mas como um segundo estado de alarme foi anunciado em outubro, agora são as Comunidades Autônomas que têm o poder de implementar restrições. As igrejas podem permanecer abertas com um máximo de 50% ou 33% de sua capacidade. Apenas em algumas regiões específicas, como Aragão, o canto foi proibido.

Na Itália e em Portugal, novas recomendações do governo não estão mudando a situação das igrejas.

Fonte: Guiame


MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *