Notícias e informação para o povo de Deus, dicas, meditação, reflexão, palavra, devocional, música, conteúdo de qualidade!

Com nomes bíblicos, operação de Israel foi a 1ª guerra de Inteligência Artificial do mundo

Em 11 dias de combate na Faixa de Gaza, os militares israelenses realizaram ataques intensivos contra alvos do Hamas e da Jihad Islâmica Pal...

Com nomes bíblicos, operação de Israel foi a 1ª guerra de Inteligência Artificial do mundo

Em 11 dias de combate na Faixa de Gaza, os militares israelenses realizaram ataques intensivos contra alvos do Hamas e da Jihad Islâmica Palestina, declarando que estavam atingindo infraestruturas essenciais e pessoal pertencente aos dois grupos. 

Os militares israelenses estão chamando a Operação Guardião das Muralhas de a primeira guerra de inteligência artificial.

Enquanto os militares israelenses dependiam do que já existia no mercado civil e o adaptavam para fins militares, nos anos anteriores ao combate, o IDF estabeleceu uma plataforma tecnológica avançada de IA (Inteligência Artificial) que centralizou todos os dados sobre grupos terroristas na Faixa em uma plataforma que possibilitou a análise e extração da inteligência.

“Pela primeira vez, a inteligência artificial foi um componente-chave e um multiplicador de poder na luta contra o inimigo”, disse um oficial sênior do corpo de inteligência das FDI. “Esta é uma campanha inédita para as FDI, implementamos novos métodos de operação e desenvolvimentos tecnológicos usados ​​que foram um multiplicador de força para todo o IDF.”

Soldados na unidade de elite 8200 do IDF foram os pioneiros em algoritmos e códigos que levaram a vários novos programas chamados "o Alquimista", "Evangelho" e "Profundidade da Sabedoria" que foram desenvolvidos e usados ​​durante a luta.

Coletando dados usando inteligência de sinais (SIGINT), inteligência visual (VISINT), inteligência humana (HUMINT), inteligência geográfica (GEOINT) e muito mais, o IDF tem montanhas de dados brutos que devem ser pesquisados ​​a fim de encontrar as peças-chave necessárias para realizar uma greve.

Inteligência militar

Um sistema desenvolvido pela Unidade 8200 apelidado de “o Evangelho”, que usava IA para gerar recomendações para as tropas na divisão de pesquisa da inteligência militar, era usado para produzir alvos de qualidade e depois passá-los para a IAF para atacar.

“Pela primeira vez, foi criado um centro multidisciplinar que produz centenas de alvos relevantes para o desenvolvimento do combate, permitindo que os militares continuem a lutar pelo tempo que for necessário com mais e mais novos alvos”, disse o oficial sênior.

Enquanto o IDF reuniu milhares de alvos no enclave costeiro densamente povoado nos últimos dois anos, centenas foram reunidos em tempo real, incluindo lançadores de mísseis que visavam Tel Aviv e Jerusalém.

Os militares acreditam que o uso de IA ajudou a encurtar a duração do combate, tendo sido eficaz e rápido na coleta de alvos usando a superconhecimento.

Contra-ataques

O IDF realizou centenas de ataques contra o Hamas e PIJ, incluindo lançadores de foguetes, fabricação de foguetes, locais de produção e armazenamento, escritórios de inteligência militar, drones, residências de comandantes e unidade de comando naval do Hamas, onde Israel destruiu a maior parte da infraestrutura e armamento do grupo incluindo vários submarinos autônomos guiados por GPS que podem transportar 30 quilos de explosivos.

Os satélites da Unidade 9900 do IDF que reuniram GEOINT ao longo dos anos foram capazes de detectar automaticamente mudanças no terreno em tempo real para que, durante a operação, os militares pudessem detectar posições de lançamento e atingi-los após o disparo.

Por exemplo, as tropas da Unidade 9900 usando imagens de satélite foram capazes de detectar 14 lançadores de foguetes localizados próximos a uma escola.

As IDF também mataram mais de 150 PIJ e operativos do Hamas, muitos deles considerados comandantes seniores ou insubstituíveis em suas funções, especialmente aqueles que lideraram a P&D nos projetos de mísseis.

Um ataque, contra o alto funcionário do Hamas, Bassem Issa, foi realizado sem vítimas civis, apesar de estar em um túnel sob um prédio cercado por seis escolas e uma clínica médica. Issa, um comandante de brigada da Cidade de Gaza, foi a figura militar de maior patente do Hamas a ser morta por Israel desde a Operação Limite de Proteção em 2014.

Ele foi morto junto com o chefe de tecnologia de mísseis e cibernéticos do Hamas, Jomaa Tahla, Jemal Zebda, que era o chefe do Departamento de Desenvolvimento e Projetos do grupo e 13 membros da fabricação de armas da facção.

Túneis danificados

A rede de túneis subterrâneos "Metro" do Hamas também foi fortemente danificada ao longo de várias noites de ataques aéreos. Fontes militares disseram que foram capazes de mapear a rede que consiste em centenas de quilômetros em áreas residenciais a um grau em que sabiam quase tudo sobre elas.

O mapeamento da rede clandestina do Hamas foi feito por um enorme processo de coleta de inteligência que foi ajudado pelos desenvolvimentos tecnológicos e uso de Big Data para fundir toda a inteligência. Uma vez mapeado, o IDF foi capaz de ter uma imagem completa da rede acima e abaixo do solo, com detalhes como a profundidade dos túneis, sua espessura e a natureza das rotas. Com isso, os militares conseguiram construir um plano de ataque que foi utilizado durante a operação.

Embora as IDF reconheçam que não destruíram toda a rede, eles afirmam que atingiram partes da rede que tornam quase impossível para o Hamas usá-la novamente. E a capacidade do IDF de quebrar a rede do Hamas e mapeá-la completamente remove uma das dimensões centrais da estratégia de combate do Hamas.

"Anos de trabalho, pensamento inovador e a fusão de todo o poder da divisão de inteligência com elementos em campo levaram à solução revolucionária do underground", disse o oficial sênior.

Usando os dados coletados e analisados ​​pela IA, a Força Aérea de Israel foi capaz de usar as munições apropriadas para atingir um alvo, seja um apartamento, um túnel ou um prédio.

A IDF também usou um sistema apelidado de “o Alquimista”, desenvolvido pela Unidade 8200 e usou IA e aprendizado de máquina para alertar as tropas em campo sobre possíveis ataques do Hamas ou PIJ. O sistema dinâmico e de atualização foi usado por todos os comandantes de unidade em campo que tinham o sistema em um tablet de fácil utilização.

Baixas

Os militares dizem que o ataque que matou St.-Sgt. Omer Tabib está sendo investigado, pois as tropas foram alertadas sobre a possibilidade de disparos antitanque contra seus jipes fora da comunidade de Netiv Ha’asara.

Tabib foi o único soldado IDF morto no conflito.

Os militares também confiaram muito na inteligência para realizar ataques de precisão na tentativa de minimizar as vítimas civis.

O ministério da saúde dirigido pelo Hamas em Gaza disse que pelo menos 243 palestinos foram mortos durante o conflito, incluindo 66 crianças e adolescentes, com 1.910 feridos. Os militares israelenses dizem que mais de 100 operativos pertencentes a grupos terroristas foram mortos e que algumas das vítimas civis foram causadas por foguetes do Hamas que caíram ou casas de civis desabaram após um ataque aéreo na rede de túneis do Hamas.

Em uma entrevista ao Canal 12 News, o chefe da agência de refugiados palestinos das Nações Unidas em Gaza Matthias Schmale reconheceu que embora a "crueldade e ferocidade dos ataques tenham sido fortemente sentidas", ele teve "a impressão de que há uma enorme sofisticação na forma como os militares israelenses atacaram.”

Fonte: Guiame

COMMENTS

Nome

'Momo',1,"Eu quero ir",1,“Aguardo o Dia”,1,“Casa na Rocha”,1,“Em Casa”,1,“Mais Alto”,1,“Quem é esse?”,1,“Quero Te Adorar”,1,“We magnify his name”,1,10 Mandamentos,1,19ª edição do Grammy Latino,3,2018,2,2019,5,22 anos,1,3 Palavrinhas,1,360 Wayup,1,6 milhões,1,60 Minutes,1,A Bíblia Kingstone,1,Abaixo-assinado,1,abandona,1,Abílio Santana,1,Abin,2,abortistas,1,aborto,27,abortos,1,abrigo para dependentes químicos,1,Absolvida,1,abusador,1,abusar dos membros,1,abuso infantil,3,abuso sexual,20,abusos sexuais,3,Academia,1,Acadêmicos do Sossego,1,acampamento evangélico,1,ação judicial,1,Ação popular,1,Ação social,2,aceitaram a Jesus,1,Acertou Mizerávi,1,Achado Arqueológico,1,ACI Digital,1,acidente,2,acidente de trânsito,1,Acioli,1,acordo de paz,1,Acre,2,acusação,1,ad belenzinho,1,ADAI Music,1,Adão e Eva,1,Adaulto Lourenço,1,Adauto Lourenço,1,Adilson Gigante,1,ADO 26,1,adolescente,1,adolescentes,1,Adolf Hitler,1,Adolf Hittler,1,adventistas do Sétimo Dia,1,advogados,1,Afeganistão,2,Africa,2,África,6,Africa do Sul,1,Agenda Lgbt,1,Airbnb,1,Al-haram Al-sharif,1,Al-qaeda,1,Al-Rashid,1,Aladdin,1,Alagoas,2,Alan Rick,1,Albert Einstein,1,Alcoolismo,1,aldeia Kamayurá,1,Alemanha,3,Alerta aos pais,1,Alex Passos,1,Alexandra Abrantes,1,alexandre frota,1,Alexandre Isquierdo,1,Aline Barros,4,Alison Redmond-Bate,1,alma,1,Alphaville,1,altares,1,altera,1,Amazon,1,ambulância,1,América,1,América Latina,1,Amor,2,Amor de Deus,1,Amor e Sexo,4,amor incondicional,1,Ana Paula,1,Ana Paula Valadão,4,Anápolis,1,Anayle Sullivan,1,Anderson Freire,4,André Aquino,1,André Balada,1,Andre Fernandes,1,André Valadão,3,Andrea Long Chu,1,Andrew Brunson,2,Anel Pilatos,1,anencefalia,1,Anglicana,1,Angola,4,Anitta,3,aniversário de casamento,1,Anjo,1,Anne Graham,2,Anne Graham Lotz,1,Anny Theyler,1,Anti-Balaka,1,anti-Israel,1,anti-judaico,1,anticristãs,1,Anticristo,1,Antigo Testamento,1,Antissemitismo,3,AoVivoPelaVida,1,apanhar,1,aplicativo,1,Apocalipse,1,apóstolo,1,apóstolo Paulo,1,App,2,apresentador,1,apresentadora Angélica,1,Árabe,1,Araguaína,1,Arca da Aliança,2,Arca de Noé,1,Argentina,4,Argentinos,1,arma,1,arma de fogo,1,Armas,1,Armênia,1,armênios,2,Arqueologia,14,arqueólogia,1,arqueologia bíblica,12,Arqueologia na Bíblia,1,arqueólogo,1,Arquidiocese da Paraíba,2,Arrebatamento,1,arrecadar alimentos,1,arrependimento,3,Artistas,3,Asia,1,Asia Bibi,6,Ásia Central,1,AsiaNews,1,asilo,1,assalto,5,assassinada,1,assassinado,1,assassinato do pastor,4,assassino,2,assédio sexual,2,Assembleia de Deus,9,Assembléia de Deus,2,Assembleia de Deus no Brasil,1,Assembleia de Deus Vitória em Cristo,2,ataque,1,ataque cardíaco,1,Ataque Contra Cristãos,3,ataque de ódio,1,Ataque no Egito,1,Ateísmo,5,Atentado,4,Atentado Terrorista,1,Atentados,1,Ateu,1,Ateus,2,Ativismo,2,Ativismo Gay,2,Ativismo Lgbt,2,ativista gay,1,Ativistas,2,ato profético,1,Ator,3,Atos dos Apóstolos,1,atriz,1,atriz Chrissy Metz,1,audiência,2,Augusto Cury,1,Augusto Heleno Ribeiro Pereira,1,Augustus Nicodemus,1,Augustus Nicodemus Gomes Lopes,1,Austrália,2,Autoajuda,1,automutilação,1,Autoridade Palestina,1,auxílio-mudança,1,avivamento,3,Azerbaijão,1,azul e rosa,1,babalorixá,1,Baby do Brasil,1,Bahia,3,Baleado,1,baleou,1,Bancada Evangélica,12,Band,4,Band News,1,Banda 4Life,1,banda Livres,1,Banda novo som,1,Banda Resgate,1,banda Rosa de Saron,1,banda Voz da Verdade,1,Bangladesh,5,Banheiro Transgêneros,1,banheiros únicos,1,barragem,1,Barroso,1,bate boca,1,bateria de escola de samba,1,Batismo,2,batismo infantil,1,Batismo nas Águas,1,Batista Peniel,1,Batista Soul,1,batistas do Sétimo Dia,1,batistas independentes,1,batizado,1,bbb,2,bebê,1,Bebê é abandonado,1,bebê Jesus,1,bebês,1,bebida alcoólica,1,Beit Chabad,1,Beka,1,Belém,1,Belford Roxo,1,Bélgica,1,Belíssima,1,Belo Horizonte,2,Benjamin Netanyahu,9,Bernardino,1,Bertioga,1,Beth Moore,2,Bethel,1,Bibi,1,Bíblia,31,Bíblia Antiga,2,Bíblia e Ciência,2,Bíblia Mais Antiga,1,bíblia sagrada,14,Bíblias. África,1,bicicleta,1,