Notícias e informação para o povo de Deus, dicas, meditação, reflexão, palavra, devocional, música, conteúdo de qualidade!

‘Me sinto em extinção’: Ativista com Down lamenta decisão do Reino Unido sobre aborto

A contestação da lei que permite mudar o aborto de bebês com síndrome de Down até o nascimento não teve sucesso no Reino Unido. O Tribunal d...

‘Me sinto em extinção’: Ativista com Down lamenta decisão do Reino Unido sobre aborto

A contestação da lei que permite mudar o aborto de bebês com síndrome de Down até o nascimento não teve sucesso no Reino Unido.

O Tribunal de Apelações manteve a legislação após rejeitar a contestação da ativista Heidi Crowter, uma mulher de 27 anos que tem a deficiência.

Crowter, que entrou com uma ação legal contra o Departamento de Saúde e Assistência Social, disse que estava "muito chateada por não vencer novamente" e pode levar seu caso à Suprema Corte.

Segundo a decisão do tribunal, a Lei do Aborto não viola o direito dos “deficientes vivos”. E acrescentou que “o tribunal reconhece que muitas pessoas com síndrome de Down e outras deficiências ficarão chateadas e ofendidas pelo fato de que um diagnóstico de deficiência grave durante a gravidez é tratado pela lei como uma justificativa para a interrupção, e que eles podem considerá-lo como implicando que suas próprias vidas são de menor valor”.

Mudando corações e mentes

Após saber da decisão, Cowter, que é apoiada pelo marido (também com síndrome de Down) e outros parentes, disse que vai “continuar lutando porque já informamos e mudamos corações e mentes e mudamos a opinião das pessoas sobre a lei”.

A decisão foi apoiada pelo British Pregnancy Adivsory Service, que fornece serviços de aborto no Reino Unido. A instituição disse que a legislação do Reino Unido não concede “direitos humanos” aos fetos. Um porta-voz também argumentou que o direito das mulheres “não apenas ao aborto, mas de tomar suas próprias decisões durante o parto” teria sido atacado se o recurso tivesse sido bem-sucedido.

Luta pró-vida

Mark Arnold, palestrante e instrutor que trabalha como diretor do Ministério de Necessidades Adicionais da organização cristã Urban Saints, falou sobre o caso em entrevista ao Evangelical Focus.

Ele explicou que a Lei do Aborto, que é a legislação atual relevante para a Inglaterra, País de Gales e Escócia, estabelece que há um limite de tempo de 24 semanas para o aborto, a menos que “haja um risco substancial de que, se a criança nascer, ela sofra de tal dano físico ou anormalidades mentais como sendo gravemente deficiente”. Este termo um tanto desatualizado inclui a.

Por ter síndrome de Down, que se encaixa como “anormalidades mentais” descritas na legislação, a ativista Heidi Crowther apelou contra a Lei do Aborto, alegando que se tratava de discriminação conta ela e outras pessoas com a mesma condição.

“[A lei] não respeita minha vida”, alegou Crowther. Mas os juízes do Tribunal de Apelação decidiram que a Lei do Aborto não interfere nos direitos das pessoas com deficiência viva e, portanto, decidiram contra Heidi e sua equipe.

Arnold disse que este caso “aumentou o perfil desta importante discussão. É difícil dizer se mudou o pensamento de muitos, ou se apenas fortaleceu mais profundamente as posições das comunidades pró-vida e pró-escolha.”

Engajamento cristão

Para ele, os cristãos podem fazer a diferença no debate sobre a deficiência e o direito à vida.

“Há uma enorme variedade de maneiras pelas quais os cristãos podem fazer, e estão fazendo, uma diferença em todo esse debate. Seja apoiando pastoralmente as pessoas que tomam essas decisões incrivelmente difíceis, conectando pessoas a redes de apoio apropriadas ou ajudando e apoiando pessoas que estão grávidas e têm um filho deficiente a criá-lo como uma parte valiosa da família da igreja.”

Arnold estimula as igrejas a intensificar e ajudar as famílias de maneira positiva e evitar os julgamentos. “Vamos aprender com Jesus que mostrou compaixão e cuidado, que estendeu a mão para as pessoas em seus momentos de necessidade; ele ainda o faz e nós também deveríamos.”

Fonte: Guiame com informações de Evangelical Focus

COMMENTS

Nome

'Momo',1,"Eu quero ir",1,“Aguardo o Dia”,1,“Casa na Rocha”,1,“Em Casa”,1,“Mais Alto”,1,“Quem é esse?”,1,“Quero Te Adorar”,1,“We magnify his name”,1,10 Mandamentos,1,19ª edição do Grammy Latino,3,2018,2,2019,5,22 anos,1,3 Palavrinhas,1,360 Wayup,1,6 milhões,1,60 Minutes,1,a,1,A Bíblia Kingstone,1,Abaixo-assinado,1,abandona,1,Abílio Santana,1,Abin,2,abortistas,1,aborto,27,abortos,1,abrigo para dependentes químicos,1,Absolvida,1,abusador,1,abusar dos membros,1,abuso infantil,3,abuso sexual,20,abusos sexuais,3,Academia,1,Acadêmicos do Sossego,1,acampamento evangélico,1,ação judicial,1,Ação popular,1,Ação social,2,aceitaram a Jesus,1,Acertou Mizerávi,1,Achado Arqueológico,1,ACI Digital,1,acidente,2,acidente de trânsito,1,Acioli,1,acordo de paz,1,Acre,2,acusação,1,ad belenzinho,1,ADAI Music,1,Adão e Eva,1,Adaulto Lourenço,1,Adauto Lourenço,1,Adilson Gigante,1,ADO 26,1,adolescente,1,adolescentes,1,Adolf Hitler,1,Adolf Hittler,1,adventistas do Sétimo Dia,1,advogados,1,Afeganistão,2,Africa,2,África,6,Africa do Sul,1,Agenda Lgbt,1,Airbnb,1,Al-haram Al-sharif,1,Al-qaeda,1,Al-Rashid,1,Aladdin,1,Alagoas,2,Alan Rick,1,Albert Einstein,1,Alcoolismo,1,aldeia Kamayurá,1,Alemanha,3,Alerta aos pais,1,alertam,1,Alex Passos,1,Alexandra Abrantes,1,alexandre frota,1,Alexandre Isquierdo,1,Aline Barros,4,Alison Redmond-Bate,1,alma,1,Alphaville,1,altares,1,altera,1,Amazon,1,ambulância,1,América,1,América Latina,1,Amor,2,Amor de Deus,1,Amor e Sexo,4,amor incondicional,1,Ana Paula,1,Ana Paula Valadão,4,Anápolis,1,Anayle Sullivan,1,Anderson Freire,4,André Aquino,1,André Balada,1,Andre Fernandes,1,André Valadão,3,Andrea Long Chu,1,Andrew Brunson,2,Anel Pilatos,1,anencefalia,1,Anglicana,1,Angola,4,Anitta,3,aniversário de casamento,1,Anjo,1,Anne Graham,2,Anne Graham Lotz,1,Anny Theyler,1,Anti-Balaka,1,anti-Israel,1,anti-judaico,1,anticristãs,1,Anticristo,1,Antigo Testamento,1,Antissemitismo,3,AoVivoPelaVida,1,apanhar,1,aplicativo,1,Apocalipse,1,apóstolo,1,apóstolo Paulo,1,App,2,apresentador,1,apresentadora Angélica,1,Árabe,1,Araguaína,1,Arca da Aliança,2,Arca de Noé,1,Argentina,4,Argentinos,1,arma,1,arma de fogo,1,Armas,1,Armênia,1,armênios,2,Arqueologia,14,arqueólogia,1,arqueologia bíblica,12,Arqueologia na Bíblia,1,arqueólogo,1,Arquidiocese da Paraíba,2,Arrebatamento,1,arrecadar alimentos,1,arrependimento,3,Artistas,3,Asia,1,Asia Bibi,6,Ásia Central,1,A